18h – Onyx diz que decreto para flexibilizar posse de armas sai na próxima semana

0
Foto: Casa Civil / Divulgação

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta terça-feira (8) que o decreto que flexibiliza a posse de armas será editado até a próxima semana. Segundo o ministro, o assunto foi tratado na segunda reunião ministerial que aconteceu nesta terça no Palácio do Planalto. Bolsonaro pretende, por meio de decreto, garantir posse de armas de fogo a cidadão sem antecedentes criminais. O presidente Jair Bolsonaro reuniu no Palácio do Planalto o Conselho de Governo, formado por ele, pelo vice-presidente Hamilton Mourão e por todos os ministros de Estado. A reunião começou por volta das 9h e terminou pouco antes do meio-dia. Fonte: G1


ouça o programa

 


Justiça suspende homologação de leilão do Shopping Lajeado

A 1ª Vara Cível de Lajeado suspendeu a homologação do leilão do Shopping Lajeado. A medida é decorrente da proposta da RB Capital, de São Paulo, para arrematar 70% do shopping pelo lance mínimo de R$ 22.699.081,96 – valor correspondente a 50% do valor da avaliação. Ocorre que a empresa é credora do M.Grupo e utilizou justamente seu crédito na própria execução para fazer a arrematação. Na avaliação da Medeiros & Medeiros Administração Judicial, responsável pela massa falida da Magazine Incorporações e que realizou o pedido de impugnação, a arrematação contraria a determinação do juízo falimentar. De acordo com a decisão, todos os bens e direitos das 104 empresas do M. Grupo e dos seus sócios e controladores estão indisponíveis. Como o Poder Judiciário está em férias, o prazo de impugnação para que a RB Capital se manifeste sobre a suspensão começa em 20 de janeiro. AI/NR

Peru proíbe entrada no país de Maduro e integrantes do governo

O ministro das Relações Exteriores do Peru, Nestor Popolizio, anunciou que o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, integrantes do governo e suas famílias estarão proibidos de entrar em território peruano. A decisão ocorre às vésperas de Maduro assumir o terceiro mandato presidencial, cuja reeleição não é reconhecida pelo Peru e mais 14 países da região, inclusive o Brasil. Fonte: Agência Brasil

Polícia prende 168 suspeitos de ataques no Ceará

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), informou, no fim da manhã de hoje (8), que as forças de segurança do estado efetuaram a prisão de 168 pessoas suspeitas de envolvimento em ataques criminosos dos últimos dias. As ocorrências foram registradas em mais de 40 municípios cearenses, incluindo a região metropolitana de Fortaleza. Do total de presos, 20 foram capturados nas últimas horas, destacou o governador. A madrugada desta terça-feira (8) foi o sexto dia consecutivo de violência no estado. Pelo menos quatro veículos foram queimados. Na região metropolitana de Fortaleza, também foi registrado um ataque à bomba sobre uma ponte. Fonte: Agência Brasil

Petrobras reduzirá preço da gasolina nas refinarias a menor nível em 14 meses

A Petrobras reduzirá o preço médio da gasolina em suas refinarias ao menor nível em cerca de 14 meses a partir de amanhã (9), em meio a uma redução na cotação do dólar ante o real, um dos parâmetros utilizados pela companhia em sua sistemática de reajustes. O corte será de 1,38% ante o valor praticado nesta terça-feira (8), de R$ 1,45 para R$ 1,43 por litro. É o patamar mais baixo desde o R$ 1,42 visto em 24 de outubro de 2017, segundo dados da petroleira compilados pela Reuters. Fonte: G1

BNDES terá foco em médias empresas, diz novo presidente Joaquim Levy

O fortalecimento de médias empresas será o foco da nova gestão do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Foi o que afirmou nesta terça-feira (8), no Rio de Janeiro, Joaquim Levy, o novo presidente do banco de fomento, durante cerimônia para a transferência do cargo pelo agora ex-presidente Dyogo Oliveira. Levy afirmou que “assim como os grandes projetos, o BNDES é parte daquilo que transforma o Brasil em termos de infraestrutura, em termos de inovações. Nós vamos continuar fazendo isso com foco cada vez maior nas empresas médias”. Fonte: G1

Produção de veículos cresce 6,7% em 2018

A produção de veículos no país cresceu 6,7% em 2018 na comparação com o ano anterior. O dado foi divulgado hoje (8) pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). De janeiro a dezembro do ano passado, o país produziu 2,880 milhões de veículos e, em 2017, 2,699 milhões de unidades. Fonte: Agência Brasil

Governo Bolsonaro confirma saída de pacto de migração da ONU

Em telegrama emitido nesta terça-feira (8), o Ministério das Relações Exteriores pediu a diplomatas brasileiros que comuniquem à Organização das Nações Unidas (ONU) que o Brasil saiu do Pacto Global para a Migração, ao qual o país tinha aderido em dezembro, no fim do governo Michel Temer. O documento diz, ainda, que o Brasil não deverá “participar de qualquer atividade relacionada ao pacto ou à sua implementação”. Fonte: G1

Produção e apresentação: Camila Pires
Próxima edição: amanhã, às 8h

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui