Comitê de Revitalização se posiciona contra saída do Legislativo do Centro de Lajeado

Ofício com a indicação do Centro de Revitalização foi entregue à Câmara de Vereadores, no início de novembro. Compra de imóvel ou terreno para construção de espaço próprio segue na pauta da casa.

0
Terreno sugerido pelo Comitê, e que pertence à Câmara, fica na Rua Júlio May, Centro. Foto: Natalia Ribeiro

Priorizando a manutenção e valorização dos espaços públicos que deram origem ao município de Lajeado, o Comitê Gestor do Plano de Revitalização do Centro Histórico encaminhou ofício, à Câmara de Vereadores, em que pede a manutenção do Legislativo na zona central da cidade. O documento faz referência à construção de um espaço próprio ou compra de um imóvel, que tem sido cogitada pela Casa.


ouça a reportagem

 


Hoje o Legislativo ocupa sala no Genes Work & Shop, na Avenida Benjamin Constant, Centro de Lajeado. Os vereadores já receberam propostas de várias empresas para a aquisição de terrenos ou prédios, no intuito de abandonar o pagamento de R$ 12,1 mil de aluguel e R$ 5,7 mil de condomínio. A possibilidade foi apresentada no início do ano pelo presidente da Câmara, Waldir Blau (PMDB).

O Comitê Gestor do Plano de Revitalização aprova a mudança, mas teme que ela tire os vereadores do Centro da cidade. A Câmara dispõe de um terreno próprio, na Rua Júlio May, também na região central, que foi cogitado para receber a construção. Essa é a aposta do grupo. O presidente do comitê, José Carlos Bulle, sustenta que “a Câmara já possui um local, opção que mais vai agregar valor ao conjunto arquitetônico do centro histórico”.

Implicações financeiras também são impasses apontados pela entidade. Bulle argumenta que “essa mudança será prejudicial ao desenvolvimento daquela região, inclusive o desenvolvimento econômico”. Para isso, sugere que seja adotada a opção de construir um prédio na Rua Júlio May. A intenção, segundo o presidente, é “disponibilizar um espaço adequado para a comunidade, com estacionamento amplo e salas que poderão efetivamente atender a todas as demandas do Legislativo”.

Membros do grupo têm acompanhado as últimas sessões, em que o tema tem sido abordado com frequência. Eles pretendem se fazer presentes no encontro desta terça-feira (14), quando existe a possibilidade de o assunto ser avaliado pela Casa.

Atuação

O Comitê Gestor do Plano de Revitalização do Centro Histórico de Lajeado foi criado em outubro de 2012, com o objetivo de recuperar aspectos culturais, de infraestrutura e de segurança do entorno. É constituído por representantes da sociedade, de entidades e do poder público, que acompanham a manutenção de prédios históricos e avaliam a edificação de novos espaços na área de atuação. NR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui