Custo anual da osteoporose no Brasil é de R$ 1,2 bilhão

Este valor é maior que o custo de infarto (R$ 16,7 bilhões), derrames (R$ 11,7 bilhões) e câncer de mama (R$ 1,9 bilhões).

0
Foto: Ilustrativa / Freepik

A osteoporose afeta 200 milhões de pessoas no mundo, 10 milhões só no Brasil. Segundo dados de um novo estudo, no mundo, o custo anual de hospitalização por fraturas causadas pela doença é de R$ 19,8 bilhões de reais. Este valor é maior que o custo de infarto (R$ 16,7 bilhões), derrames (R$ 11,7 bilhões) e câncer de mama (R$ 1,9 bilhões).

No Brasil, a osteoporose custa R$ 1,2 bilhão anualmente. Mais da metade (61%) deste montante, o equivalente a R$ 733,5 milhões, está associado à perda de produtividade. As despesas com hospitalização representam R$ 234 milhões e os custos cirúrgicos, R$ 162,6 milhões.

A pesquisa considerou dados de epidemiologia, impacto econômico, diagnóstico, tratamento, gestão e políticas públicas em quatro países da América Latina: Brasil, México, Colômbia, Argentina.

“O objetivo do estudo foi analisar a carga de saúde provocada pela doença na América Latina. Esse conceito foi desenvolvido pela Universidade Harvard, nos Estados Unidos, e pela OMS para avaliar de forma completa o grau de comprometimento que a doença traz para a população.”, explica Ben-Hur Albergaria, professor de epidemiologia clinica da Faculdade Federal do Espirito Santo e pesquisador do Centro de Pesquisa em Osteoporose do Espirito Santo (Cedoes).

Fonte: Veja

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui