Lideranças de Encantado se reúnem com vice-governador para tratar da segurança pública

Prefeito disse que Encantado poderá disponibilizar imóveis públicos para servir de residência aos policiais que possam ser destinados ao município.

0
Foto: Cris Costa/Divulgação

Uma comitiva de Encantado esteve em audiência com o vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Junior, na tarde desta quarta-feira (13). A pauta conteve reivindicações sobre a solicitação de mais policiais civis e militares para o município. O prefeito Adroaldo Conzatti disse que Encantado poderá disponibilizar imóveis públicos para servir de residência aos policiais que possam ser destinados ao município.

Outra pauta foi a liberação dos equipamentos de videomonitoramento, que foram conquistados por emendas parlamentares. Quanto ao aumento de efetivo, o vice-governador relatou que há uma carência de 40% de policiais em todo o estado, e que o pedido dos representantes poderá ser parcialmente atendido com a formação de novos policiais em agosto deste ano. Mencionou também a possibilidade de ser criado um Pelotão de Operações Especiais (POE), que ficaria sediado em Encantado e atenderia a toda região alta do Vale do Taquari.

Quanto à liberação dos equipamentos de videomonitoramento, Ranolfo disse que todo processo de aquisição das câmeras está concluído, faltando apenas a liberação dos recursos por parte do governo federal.

A previsão é de que esta liberação ocorra ainda neste mês. Com esses equipamentos, será implantada a segunda fase do projeto “Encantado Alerta”, que, em sua primeira fase, contou com o investimento de mais de R$ 700 mil, oriundos dos cofres públicos, de entidades, de empresas e de pessoas físicas. Estiveram presentes na audiência, além do prefeito Adroaldo, o presidente da Câmara de Vereadores, Luciano Moresco; o presidente do Consepro, Victorio Alba, e o presidente da OAB de Encantado, Jorge Calvi. AI/CP

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui