Não há previsão para inclusão de novas quadras na área azul do rotativo em Lajeado, diz gerente da Stacione

Atualmente, área conta com 1,3 mil vagas para estacionamento — dessas, 1,2 mil estão ativas.

0
Foto: Divulgação

Não há previsão de inclusão de novas quadras na área azul do estacionamento rotativo pago em Lajeado. A confirmação foi dada pelo gerente da Stacione Rotativo — concessionária responsável pelo rotativo na cidade — Carlos Hessler, em entrevista ao programa Dinâmica nesta quarta-feira (13). Atualmente, a área conta com aproximadamente 1,3 mil vagas — dessas, 1,2 mil estão ativas.

“A não ser que haja alguma mudança em nível de estrutura de rua ou por solicitação do governo, nós vamos trabalhar com essas 1,2 mil vagas ativas que temos hoje”, afirma.


ouça a entrevista


 

Gerente da Stacione, Carlos Hessler (Foto: Rodrigo Gallas)

A Stacione tem 45 profissionais — 37 fiscais em operação nas ruas, três em cargos de chefia e cinco no setor administrativo na sede da empresa, que fica na Rua Saldanha Marinho, Centro de Lajeado.

O gerente destaca que os fiscais estão passando por um treinamento de 12 meses para melhorar o atendimento ao público. “Acho que é a grande chave para melhor o nosso serviço perante a comunidade lajeadense e região”, acredita.

Em agosto de 2018, os valores foram atualizados pela primeira vez desde que a Stacione administra o estacionamento pago em Lajeado, em 2014. A empresa pedia acrescimento de 12,5%, porém, a prefeitura autorizou valoração de 10%.

Nova tabela

  • 15 minutos, de R$ 0,50 para R$ 0,55
  • 30 minutos, R$ 1,00 para R$ 1,10
  • 60 minutos, R$ 2,00 para R$ 2,20
  • 90 minutos, R$ 3,00 para R$ 3,30
  • 120 minutos, R$ 4,00 para R$ 4,40

Para Hessler, o principal problema que a Stacione enfrenta é que a população, por questão de pressa ou desconhecimento do funcionamento dos parquímetros, não pouco os utiliza. “Numa estatística: a cada R$ 100 que vendemos, só R$ 3 é de parquímetro. Ou seja, 3% do nosso faturamento”, ilustra. TS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui