Novo software melhora gestão de dejetos dos porcos para preservar meio ambiente

0
Foto: Divulgação

Um novo software de monitoramento vai melhorar a gestão ambiental da suinocultura no Rio Grande do Sul. Com a ferramenta, os técnicos da Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) poderão monitorar áreas nas propriedades rurais onde são aplicados os dejetos da criação de porcos para não haver impacto ambiental nas lavouras.

O convênio foi assinado pela Fepam e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) nesta quinta-feira (12). A tecnologia permite dosar a quantidade de esterco utilizada no solo para que seja absorvida pela cultura sem contaminar o meio ambiente.

Conforme o chefe da Divisão de Licenciamento de Criações da Fepam, Arno Kayser, “a saturação do solo representaria risco de contaminação do lençol freático, comprometendo os recursos hídricos tanto superficiais como subterrâneos”.

Fonte: Portal do Governo do RS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui