por data de: 
até: 
Exibições: 552
Avaliação:
ITENS RELACIONADOS
DESTAQUE 30/09/2014
Vaticano investigou padre Marcelo Rossi por quase 10 anos
A investigação foi comandada pela Congregação para a Doutrina da Fé, liderada pelo cardeal Joseph Ratzinger.
DESTAQUE 29/09/2014
Empresário é preso em Araçatuba suspeito de torturar enteada de 2 anos
Em depoimento, o homem negou as suspeitas de tortura e, para a polícia, disse que era apenas uma brincadeira.
DESTAQUE 26/09/2014
Anvisa publica resolução com medidas para retorno da venda de emagrecedores
Para que voltem a ser comercializados, os medicamentos contendo mazindol, femproporex e anfepramona deverão ser registrados novamente pelos fabricantes.
DESTAQUE 25/09/2014
Susepe solicita destruição de parte do Presídio Central
A sugestão foi analisada pelo titular da VEC, juiz Sidinei Brzuska, nesta terça-feira.
DESTAQUE 23/09/2014
Suplente que não recebeu nenhum voto assume cargo de vereadora
Sistema de rodízio foi adotado pelo partido para que todos possam ocupar a vaga, durante os quatro anos de mandato.
+ ACESSADAS

DESTAQUE 29/10/2013
Em coma após AVC, enfermeira dá à luz a bebê prematuro

Grávida de cinco meses, a enfermeira Aline Piton, de 32 anos, sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico enquanto trabalhava no Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher (Caism) do Hospital de Clínicas (HC) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em Campinas (SP), e entrou em coma. Caso raro na medicina, ela deu à luz ao menino Guilherme após dois meses internada. O bebê já tem um mês de vida e a mãe ainda permanece em tratamento, mas sem ter recuperado a consciência.

A mulher mantinha hábitos saudáveis e estava de plantão no dia 21 de julho quando sofreu o AVC hemorrágico, motivado pela combinação de uma má formação arterovenosa que ela desconhecia e a brusca mudança de hormônios desencadeada pela gravidez. A decisão dos médicos foi a manutenção da gravidez e, após dois meses em coma, Guilherme nasceu.

Rápido socorro
O médico neurocirurgião da Unicamp Enrico Ghizoni afirma que é fundamental que o paciente com AVC seja atendido rapidamente. "Assim é possível identificar que tipo de AVC ele está sofrendo e tomar as medidas necessárias". Durante o Dia Mundial do AVC, comemorado nesta terça-feira (29), várias ações são realizadas para concientizar a população sobre prevenção e cuidados em caso de derrame.

Ele explica que é importante procurar o pronto-socorro ao sentir dormência no braço, fraqueza em um lado do corpo e uma dor de cabeça súbita. "O paciente que tem dor de cabeça, percebe que é diferente porque é uma dor súbita e em explosão", explica o médico.

Fonte: G1

Repórter Aline Silva, no Rádio Repórter, com informações de segunda a sexta-feira, entre 14h30min e 16h.
COMENTÁRIOS
Nenhum comentário.
 
 
Comente esta matéria:
Nome:
Cidade:
Email:
  Exibir meu email Exibir meu nome
Notificar quando outra pessoa também comentar este artigo
Aceito os termos e condições

 

Direitos Reservados para Radio Independente AM 950
Av. Alberto Muller, 242 - Alto do Parque - Lajeado - RS - CEP: 95900-000
Telefone: (51) 3710 4900 - Torpedos: (51) 9978 7885