Vice-prefeito de Agudo é preso por suspeita de fraude em licitação

0
Foto: Divulgação

O vice-prefeito de Agudo, Moisés Killian, foi preso preventivamente nesta quarta-feira (13) durante operação que investiga uma organização criminosa estruturada dentro da prefeitura. Ele e outras quatro pessoas, que não tiveram identidade revelada, são alvos da operação Fogo Fátuo, da Polícia Civil.

Até o momento cinco pessoas foram presas. Os policiais cumprem ainda 35 mandados de busca e apreensão e nove de bloqueios de aditivos e indisponibilidade de bens. A ofensiva ocorre em Agudo, Santa Maria, Cachoeira do Sul, Canoas e Porto Alegre. Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui