18h – Na Cúpula do Vale dos Vinhedos, Araújo exalta adesão a modelo de economia de mercado

De acordo com ele, esta é a primeira vez que o país passa a viver um ciclo baseado na "verdadeira" economia de mercado e na liberdade.

0
Foto: Guilherme Almeida

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, defendeu diversas vezes durante a Cúpula do Vale dos Vinhedos que o Brasil “saiu da caverna” e “passou para a luz do sol”. Durante seu discurso inicial na reunião do Conselho do Mercado Comum, em Bento Gonçalves, ele se referiu ao que considera avanços do governo Jair Bolsonaro, como a adesão a um modelo de economia de mercado e o andamento de reformas. “Reposicionamos o Brasil no mundo”, destacou o ministro em sua fala inicial ao se referir ao compromisso com a abertura, que, segundo ele, levou o Mercosul a novas abordagens em matérias regulatórias. De acordo com ele, esta é a primeira vez que o país passa a viver um ciclo baseado na “verdadeira” economia de mercado e na liberdade. Fonte: Correio do Povo


OUÇA O PROGRAMA


Comissão aprova aumento, e fundo eleitoral pode chegar a R$ 3,8 bilhões em 2020

A Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional aprovou nesta quarta-feira (4) o valor de R$ 3,8 bilhões para o fundo eleitoral em 2020. O valor foi aprovado durante a votação do Orçamento do ano que vem. Para virar lei, contudo, o texto aindaprecisa ser aprovado pelo plenário do Congresso. Inicialmente, o governo havia proposto R$ 2,5 bilhões para o fundo. Depois, revisou o valor para R$ 2 bilhões. Nesta terça (3), o relator do Orçamento, Domingos Neto (PSD-CE), propôs aumentar para R$ 3,8 bilhões. Segundo o relator, foi possível aumentar o valor do fundo porque houve revisão na estimativa de receitas de dividendos, isto é, na parcela à qual o governo tem direito com o lucro das empresas estatais. A previsão para esse lucro passou de R$ 6,5 bilhões para R$ 13,5 bilhões. Fonte: G1

Mega-Sena sorteia hoje prêmio acumulado de R$ 50 milhões; apostas para a Mega da vira também já podem ser feitas

A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (4) prêmio acumulado de R$ 50 milhões. O bilhete simples, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50. Além de concorrer às modalidades regulares, os apostadores já podem adquirir bilhetes para a Mega da Virada. O sorteio será realizado em 31 de dezembro. O prêmio está estimado em R$ 300 milhões não acumuláveis. Fonte: Agência Brasil

Ponte sobre o Arroio Alegre de Forquetinha estará interrompida para caminhões e ônibus nesta quinta e sexta

Devido às obras de concretagem da ponte sobre o Arroio Alegre, em Forquetinha, a passagem para caminhões e ônibus estará interrompida nesta quinta-feira, das 9h às 14h; e na sexta-feira, das 9h às 22h. Os desvios podem ser feitos por Bauereck (sentido interior x capital) e na várzea pela ponte localizada nas imediações do campo do Nacional (sentido capital x interior). AI/RC

Cortejos de Natal começam nesta quinta-feira em Lajeado

Em uma iniciativa da CDL Lajeado e como parte integrante do Lajeado Brilha 2019, começam nesta quinta-feira (5) os Cortejos de Natal. Fazem parte o Papai Noel e Mamãe Noel, dois trovadores e duas Brilhetes, que vão circular pela área central da cidade interagindo com lojistas, consumidores, crianças, pedestres e motoristas, animados por canções típicas dessa época do ano. As aparições vão ocorrer em dias e horários distintos até o dia 23 de dezembro. Nesta quinta, ocorrerá das 16h às 18h. // AI/RC

Por 10 votos a 1, STF define regra para que Coaf, Receita e MP compartilhem dados sigilosos

O Supremo Tribunal Federal (STF) estabeleceu nesta quarta-feira (4) uma regra para o compartilhamento sem autorização judicial de dados sigilosos de órgãos de controle, como a Unidade de Inteligência Financeira (UIF, antigo Coaf) e Receita Federal, com o Ministério Público. De acordo com a tese aprovada pelos ministros, esse compartilhamento pode ser feito somente por meio de comunicações formais, ou seja, os sistemas e vias oficiais de cada órgão. Em julgamento no último dia 28, o tribunal já havia decidido autorizar o compartilhamento dos dados. Por dez votos a um, ficou estabelecida a tese inicialmente proposta pelo ministro Alexandre de Moraes. O único voto contrário foi o do ministro Marco Aurélio Mello, que votou contra a tese porque, no julgamento, se posicionou contra o compartilhamento de dados sem autorização judicial. Fonte: G1

Criminosos usam nome de famosos para aplicar golpe pelo WhatsApp

Um golpe na internet está usando o nome de pessoas famosas para roubar dados de usuários e praticar extorsões. Os cibercriminosos enviam mensagens simulando ser uma pessoa que trabalha diretamente com artistas e personalidades da TV e convidam para uma suposta festa. A última vítima foi o apresentador Celso Portiolli que usou sua conta oficial no Instagram para alertar os seguidores e esclarecer o que estava acontecendo. No fim de novembro, a cantora Preta Gil também avisou os seguidores sobre um golpe que usava seu nome para atrair vítimas. A estratégia dos criminosos é simular o envio de um código para confirmar a participação no evento. A sequência de numérica, porém, é o código de verificação da conta do WhatsApp da vítima. Dessa forma, aplicativo de mensagens pode ser habilitado em outro aparelho. Fonte: Correio do Povo

Instalação da Draco de Lajeado é publicada no Diário Oficial do Estado

Em portaria publicada na edição desta quarta-feira (4) do Diário Oficial do Estado, o governo do Rio Grande do Sul torna pública e legal a instalação da Delegacia de Polícia de Repressão às Ações Criminosas (Draco) em Lajeado. O órgão estará vinculado à 19ª Delegacia de Polícia Regional do Interior, também com sede em Lajeado. A delegacia especializada deverá atuar no combate de organizações criminosas e crimes como lavagem de dinheiro, homicídios, tráfico, furtos e roubos de cargas e abigeatos, entre outros. O titular será o delegado Dinarte Marshall Júnior. A inauguração da Draco de Lajeado está prevista para o dia 11 de dezembro, em cerimônia a partir das 16h30, com a presença da chefe de Polícia do estado, delegada Nadine Anflor. NR/TS

Casamento entre pessoas do mesmo sexo aumenta mais de 60% em 2018

A pesquisa Estatísticas do Registro Civil 2018 mostra que o casamento entre pessoas do mesmo sexo teve aumento de 61,7 % no ano passado em relação a 2017. Em 2018, foram registrados 9.520 casamentos civis entre cônjuges do mesmo sexo, ante 5.887 em 2017. Os dados foram divulgados hoje (4) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo o estudo, as uniões entre mulheres cresceram 64,2%, passando de 3.387 em 2017 para 5.562 em 2018. Os casamentos entre homens subiram de 2,5 mil para 3.958, o que representa um aumento de 58,3%.
O levantamento mostra ainda que a alta foi puxada principalmente pelo mês de dezembro: as uniões homoafetivas entre homens e mulheres somaram 3.098. Em dezembro de 2017, foram registrados 614 casamentos entre pessoas do mesmo sexo.
Fonte: Agência Brasil

Produção e apresentação: Rita de Cássia

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui