Alunos são suspensos após piquenique de colégio particular de Lajeado

Diretor do educandário nega algumas ocorrências divulgadas em rede social.


22

O Colégio Evangélico Alberto Torres (Ceat), de Lajeado, suspendeu 14 alunos da 8ª série do Ensino Fundamental, com média de 13 anos. A medida foi necessária após o consumo de bebida alcoólica por alguns estudantes na última quinta-feira (14) na sede da AABB de Lajeado, no piquenique que reuniu 70 alunos. Segundo o diretor do Ceat, Rodrigo Ulrich, a instituição não tem conhecimento de informações espalhadas na rede social whatsapp desde a última quinta, que dão conta de consumo drogas, bem como de um suposto abuso sexual.


OUÇA A ENTREVISTA


O diretor relata que foi acionado por alguns professores que estavam na AABB já por volta das 8h45 do último dia 14, bem no início do piquenique, e lá foi feito o trabalho de investigação e apuração para saber o que estava acontecendo. “De fato identificamos que alguns alunos tinham trazido energético, que já é uma bebida que o colégio trabalha fortemente como algo que não pode ser consumido, e bebida alcoólica, a princípio vodca”, relata. Imediatamente o diretor e os professores fizeram, encaminhamentos administrativos com as famílias e com os alunos.

Diretor do Ceat, Rodrigo Ulrich (Foto: Ricardo Sander)

Ulrich nega que os estudantes tenham consumido ecstasy e viagra, como está sendo divulgado no whatsapp. “Nós não temos apurado, confirmado, nenhum desses ingredientes, nenhuma dessas drogas, enfim”, cita. Segundo o diretor, estas denúncias não chegaram ao seu conhecimento no local do piquenique, mas sim, posteriormente, através de mensagens de rede social e de pais de alunos da escola.

Um garoto chegou a passar mal e desmaiar, tendo sido encaminhado à UPA para atendimento. “Um dos alunos passou mal, de fato, desmaiou e foi levado prontamente para atendimento, com acompanhamento de professor e já durante a noite ele recebeu alta”, relata. O diretor nega que o menino tenha entrado em coma e diz que a ingestão de bebida alcoólica teria sido o motivo do seu desmaio.

Ulrich também diz não ter conhecimento sobre a denúncia de que um menino teria abusado sexualmente de uma menina, como circula no whatsapp. “Também é um ponto que surge depois, também em comentários. A gente vai atrás disso, e busca apurar os fatos, dar o tratamento que uma situação dessas demanda, por outro lado nós não temos a confirmação disso”, ressalta. Ele lembra que, com frequência, o Ceat promove palestras com especialistas para discutir a drogadição e alcoolemia.

A partir dos fatos o Ceat se reuniu por diversas vezes com pais e alunos envolvidos e, segundo Ulrich, os pais e a comunidade, de modo geral, tem compreendido as ações tomadas pela instituição. O diretor do educandário esclarece que não houve nenhuma expulsão/ transferência escolar de nenhum dos envolvidos. “Até o momento a gente tem, como medida administrativa, em cima do que o colégio apura, que são as suspensões”, comenta. No total, 14 alunos (três meninos e 11 meninas) foram suspensos por três dias do educandário. Cumpriram a punição na sexta, no sábado e na segunda e retornam ao convívio escolar nesta terça-feira.

Prédio do Colégio Evanǵelico Alberto Torres, no Centro de Lajeado. (Foto: Ricardo Sander)

A Rádio Independente recebeu a denúncia por parte de uma mãe de aluno do Ceat que não quis se identificar, bem como tomou conhecimento de várias relatos feitos pelo whatsapp. Até o momento, a Delegacia de Polícia de Lajeado informa não ter recebido nenhum registro sobre o piquenique. O Conselho Tutelar, diz ter reclamações, mas não abriu os fatos à reportagem. O Ministério Público também têm conhecimento das denúncias e investiga o caso, cobrando informações dos envolvidos. RS


22 Comentários

  1. Na verdade foi a menina que abusou do menino . Levou dedada mas ..né..pobre rapaz nem sabe o que se passou rsrsrs.

  2. Tentar minimizar o fato não resolve nada. Alunos relataram que nas atas não colocam a verdade dita por eles…

  3. Bom,
    Vao abafar o caso, Ai Dona Eloide Conzatti, eu fui um bom aluno no tempo de Erico Veríssimo,
    quando vc e a Psicóloga, nem sabiam o que era (Hiperativo) Ahahaha, me convidando a me retirar do Colegio… Imagina se eu tivesse feito isso tudo acima citado. Uma coisa é certa, nos videos fica bem claro tudo o que aconteceu, nada de passar a mao na cabeça dessas crianças, a menina em cima do menino, ja sabe muito bem como funciona. ninguem é santo. e se alguem foi abusado ai, no video ta bem claro. Lamentavel, mas esse é o mundo de hoje, Rico ou Pobre. Educação vem De Casa, nao tem raça e nem poder aquisitivo … Doa a quem doer,

    • No meu tempo de Érico essa Eloide era bem arrogante, lembro de um colega que foi pra diretoria e comeu um pacote de balas dela inteiro, quase morri rindo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk uma coisa é tu ter dinheiro compra o silêncio, se fosse alguém do Érico ou outro colégio estadual teria o nome, RG, CPF mas mexe com bacana, fica tudo no modo offline

  4. Panos quentes, pois CEAT tem muitos alunos de classes mais abastadas, sobrenomes de grife na cidade.
    A verdade esta rolando no whats, e só olhar… MP deve se pronunciar juntamente com conselho Tutelar, Alunos, Pais, Professores e Escola devem ser responsabilizados.

  5. A tá, colégio de bacanas um c…. Tem muita criança bolsista lá e outras tantas de famílias humildes. E pq a imprensa não divulga as coisas que acontecem em outras escolas. Crianças agredindo professores. Daí não pode, é direito do povo protegido por alguns políticos, um deles citados no comentário anterior.

  6. Os alunos foram punidos…e os professores que acompanharam tal ‘piquenique’ também foram punidos? Não ouvi nada sobre isso. Competia a eles primar pela organização tendo controle total sobre o que estava ocorrendo no local. Aliás, está mais do que na hora de rever esses piqueniques que apenas se justifica para crianças das primeiras séries.

  7. Certamente são todos vítimas. cegos os pais que não vêem um palmo a sua frente e ainda defendem filhos que deveriam ser internados já numa clínica de recuperação.

  8. Não entendi porque esse acontecimento foi divulgado agora a data é dia 14/03. No meu ver, adolescente de escola que fazem viagens ou qualquer outra programação fora, são de responsabilidades da mesma (escola),menores de idade não podem consumir bebidas alcoólicas.No caso do “piquenique”,esses alunos foram acompanhados por responsáveis que tem obrigação de explicar o que pode ser levado para o passeio e o que não é para levar , é lógico que nessas idades 11 aos 17 ,ou até mais, é necessário ficar muito atento porquê rebeldia e a não obediência é fato.Em relação as condições de classes sociais a única diferença é que os que tem mais aprontam mais e ficam impunis porque tem vergonha qdo sai nas notícias , já os que tem menos levam punição e pagam a conta de todos … Educação, Respeito é para todos.( começa em casa sim desde pequenos)Acho que tem haver investigação sim.Quem levou bebidas de álcool, drogas etc?

  9. De acordo com a reportagem: “um estudante teria ingerido bebida alcoólica, ecstasy e Viagra, precisando de atendimento médico. Um suposto caso de abuso sexual também é relatado na gravação. ” Então pela reportagem, tendenciosa e parcial, somente um aluno seria o causador de toda SURUBA, e 14 alunos FORAM SUSPENSOS (3 meninos e 11 meninas )…. kkkkk, quem assistiu os videos compartilhados pela internet sabe da verdade. Não adianta tentar amenizar!

  10. De acordo com a reportagem: “um estudante teria ingerido bebida alcoólica, ecstasy e Viagra, precisando de atendimento médico. Um suposto caso de abuso sexual também é relatado na gravação. ” Então, pelo o que estão tentando fazer passar por realidade, somente um aluno seria o causador de todo escandalo, porém, 14 alunos FORAM SUSPENSOS…. kkkkk, quem assistiu os videos compartilhados pela internet sabe da verdade. Não adianta tentar amenizar!

  11. Vi o vídeo e acho que tem que ser tomadas providências não é porque tem dinheiro que tem que abafar o caso . Fizeram e tá feito não tem como voltar atrás Tapar o sol com a peneira não é exemplo e sim estão mostrando que se fizerem de novo alguém vai dar um jeito de esconder de novo. Errada ou não é o que penso a respeito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui