2º Circuito Cultural Pela Vida apresenta live com a Bico Fino Brothers Band nesta segunda-feira

A programação começa às 20h, no Facebook e youtube da Msommer e bandas


0
Foto: Reprodução

A série de lives com artistas locais e de renome no Estado teve início nos dias 12 e 13 de abril, com a Eletro Radio e Serginho Moah e Banda, respectivamente. Nesta segunda-feira (26), a programação continua com apresentação da Bico Fino Brothers Band e nesta terça-feira (27), com Claus e Vanessa Trio.

Os shows virtuais começam sempre às 20h, no Facebook e youtube da Msommer e bandas, com apresentação do jornalista do Grupo Independente, Ricardo Sander. A série de shows terá sequência no dia 3 de maio, com Saudades do Samba; e no dia 4 de maio, Tributo a Tim Maia com Tonho Crocco.

O projeto Circuito Pela Vida teve a sua 1° edição nos meses de outubro e novembro de 2020, com a realização de oito lives. Na 2ª edição serão seis lives. As transmissões são direto do estúdio de lives da MSommer Produções, pelo canais do Facebook e Youtube da própria MSommer e das bandas participantes.

O circuito tem o objetivo de fomentar a cadeia de eventos local e estadual, que foi fortemente afetada pela pandemia, deixando seus profissionais sem nenhuma fonte renda. A realização das lives poderá ajudar, além dos músicos, diversos outros profissionais como técnicos de som e luz, equipes de divulgação, captação e edição de vídeo, fotografia, entre outros. São cerca de 190 pessoas, entre profissionais e familiares, beneficiados diretamente pelo projeto.

As lives também levam entretenimento gratuito para dentro das casas das pessoas, que estão privadas de assistirem shows musicais ao vivo, em função das normas de distanciamento social.

O projeto conta com financiamento do Pró-Cultura RS, do Governo do Estado. É uma realização da Gaita Produtora, com apoio da M Produções Culturais. A programação conta com o patrocínio da New Tintas, Forla – Visão de Futuro, Padaria Suiça e Girando Sol. A ação irá angariar cestas básicas. Elas podem ser entregues na Msommer Produções, que durante a pandemia já arrecadou e distribui mais de 400 cestas.

Texto: Rita de Cássia
redacao@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui