4° Kizomba encerra a programação do Mês da Consciência Negra de Lajeado

Centenas de pessoas participaram do evento


0
Foto: Pietra Darde/Divulgação

No último sábado (20), Dia Nacional da Consciência Negra, foi realizado o 4° Kizomba em frente à Casa de Cultura. O evento encerrou a programação do Mês da Consciência Negra de Lajeado, que foi organizado pela Prefeitura de Lajeado, por meio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), com apoio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social (SMDS), Centro de Cultura Afro-Brasileira de Lajeado, Univates, Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSUL) – Campus Lajeado, Emater e Conselho Municipal de Cultura/Setorial de Etnias e Folclore.

Centenas de pessoas participaram do evento, incluindo o prefeito Marcelo Caumo e o secretário da Cultura, Esporte e Lazer, Carlos Reckziegel. A comunidade pôde apreciar apresentações artísticas, exposições de artesanato e culinária e outras atrações da cultura afro.

“O evento do Dia da Consciência Negra foi a coroação de um mês repleto de atividades. Acredito que Lajeado tenha sido uma das únicas cidades gaúchas com uma programação tão extensa de celebração da cultura afro”, disse a coordenadora da Casa de Cultura, Ana Paula Vieira Labres, que esteve envolvida na organização.

As famílias da comunidade quilombola do Loteamento 17, que são atendidas no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Espaço da Cidadania, estiveram presentes fazendo maquiagem, cabelo e tranças, bem como expondo artesanato e comidas típicas. O Centro de Cultura Afro-Brasileira comercializou acarajé e a Biblioteca Pública Municipal marcou presença com a exposição de livros e de documentos do Arquivo Histórico. O evento contou ainda com roda de capoeira e com a exposição de plantas medicinais da Emater.

“Foi muito bom ter participado do evento, ficamos muito agradecidos. Nós mostramos o nosso trabalho com as bonecas abayomi, tranças e tudo que aprendemos a fazer na comunidade”, contou Natália da Silva da Rosa, integrante da comunidade quilombola do Loteamento 17.

A programação do Mês da Consciência Negra de Lajeado iniciou no início de novembro e se estendeu até o dia 20 de novembro, com diversas palestras e oficinas, como de cultura afro para professores clique aqui, amarração de turbantes e grafite. Uma muda de Baobá, árvore de origem africana, foi plantada no Jardim Botânico (clique aqui para ler mais).

Veja o que ainda pode ser conferido:

Exposições do Mês da Consciência Negra de Lajeado:

– “Negrê”, do artista Gin Art

– “Marias: resistências afetivas numa comunidade afro-brasileira”, da Prof. Dra. Janaina Schvambach

Quando: até dia 26/11/21

Local: Casa de Cultura de Lajeado (Borges de Medeiros, 285)

Horário: de segunda a quinta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h30 às 16h45, e na sexta-feira das 8h às 14h sem fechar ao meio dia. AI/VM

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui