84ª Corrida do Fogo Simbólico terá cerimônia em Estrela

Tradição de longa história no Estado será marcada por ato no município na segunda-feira pela manhã (16)


0
Foto: Prefeitura / Divulgação

Um evento simbólico marcará na próxima segunda-feira (16) a 84ª Corrida do Fogo Simbólico da Pátria em Estrela. O ato, não realizado publicamente no ano passado em razão da Covid e que agora será retomado, mas mantendo todos os protocolos de segurança, é marcado pela chegada da Octogésima Quarta (84ª) Centelha do Fogo Simbólico. O mesmo está agendado para ocorrer a partir das 10h15, em frente ao prédio principal da Prefeitura, e tem como objetivo manter uma antiga tradição gaúcha e abrilhantar os festejos locais em razão do Dia da Independência do Brasil. O Desfile de 7 de Setembro não será realizado neste ano.

Além do hasteamento das bandeiras do Brasil, do Estado e do Município, será realizada a apresentação da Centelha e acendimento da Pira Provisória. Uma apresentação do Grupo de Escaletas, coordenado pela Professora Zuleica Rambo, do Núcleo Cultural de Estrela e da Banda Municipal marcarão o momento, assim como uma explicação histórica por parte do Coronel da Reserva Remunerada, Ataíde Moraes Rodrigues, e a palavra das autoridades. A presença de turmas de alunos de cada uma das redes de ensino também está confirmada.

O ato simbólico, que visa reforçar o patriotismo e incentivar a prática do civismo nos cidadãos brasileiros, difundir o culto aos símbolos nacionais, a cultura e a História do Brasil, nasceu de forma especial no Rio Grande do Sul em 1938, a partir da iniciativa de um grupo de patriotistas gaúchos que procurava um símbolo que representasse o ardor cívico do povo brasileiro.

A escolha recaiu sobre o fogo, elemento cuja descoberta deu início a evolução do homem, e desde então, todos os anos, por ocasião das comemorações da independência, realiza-se a cerimônia do Fogo Simbólico, como ato de abertura da semana da Pátria, prestando um culto à Pátria e procurando manter viva no povo gaúcho e brasileiro e, principalmente nos jovens, a chama que alimenta os valores espirituais da nacionalidade. Em 2021, os temas nacional e regional foram mantidos iguais aos abordados em 2020, respectivamente o Hino Nacional Brasileiro e a participação dos gaúchos na 2ª Guerra Mundial. AI/VM

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui