Encontrados focos do mosquito da dengue em três bairros de Cruzeiro do Sul

A equipe de vigilância epidemiológica de Cruzeiro do Sul está incentivando a população para que adote o projeto “10 Minutos Contra o Aedes


0
Foto: Divulgação

No último levantamento feito pela equipe de vigilância epidemiológica de Cruzeiro do Sul, entre os dias 31 de janeiro e 4 de fevereiro, foram encontradas larvas do mosquito Aedes Aegypti no Centro, Vila Rosa e Passo de Estrela. Sendo assim, a equipe de vigilância epidemiológica de Cruzeiro do Sul está incentivando a população para que adote o projeto “10 Minutos Contra o Aedes”, inspirado em uma estratégia adotada em Cingapura, que foi capaz de interromper o pico de epidemia de dengue no país com ações semanais da população dentro de suas residências, de apenas 10 minutos, para limpeza dos principais criadouros do A. aegypti.

O mosquito transmissor da dengue, vírus Zika e chikungunya vive e se reproduz dentro e ao redor das nossas casas. Agindo uma vez por semana na limpeza de criadouros, a população interfere no desenvolvimento do vetor, já que seu ciclo de vida, do ovo ao mosquito adulto, leva de 7 a 10 dias.

Com uma ação semanal, é possível impedir que ovos, larvas e pupas do mosquito cheguem à fase adulta, freando a transmissão dessas doenças. É importante prestar atenção também aos bebedouros de animais domésticos e aves, cuja água deve ser sempre substituída para evitar a criação de larvas. AI/VM

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui