“A gente quer resolver de vez o problema das cheias”, afirma candidato a vice na chapa do PSB

Klaus diz que as parcerias público-privadas (PPPs) terão um papel importante em um eventual governo do PSB em Lajeado.


0
Klaus tem 25 anos e é empresário do setor de máquinas para construção civil (Foto: Tiago Silva)

Felipe Klaus, candidato a vice-prefeito de Lajeado na chapa do PSB encabeçada por Daniel Fontana, participou da sabatina do programa Troca de Ideias desta quinta-feira (29). Estudante de Administração e Engenharia Civil, Klaus tem 25 anos e é empresário do setor de máquinas para construção civil. “Apesar de ser jovem, eu tenho uma vivência na política por conta da família, por conta da empresa — nós trabalhamos com órgãos públicos. Eu tenho vivência na área profissional”, ressalta.


ouça a entrevista

 


 

Questionado sobre o problema das cheias em Lajeado, Klaus disse que uma administração do PSB encontrará uma solução. “A gente quer resolver de vez o problema das cheias”, assegura, apesar de não apresentar os detalhes de como. O candidato ressalta o papel da tecnologia, e diz que Fontana e ele buscarão montar uma comitiva de prefeitos para buscarem recursos em Brasília. “A remoção não vai ser necessária porque a gente vai resolver o problema”, afirma.

Klaus coloca a ideia de montar um consórcio de lideranças locais, sem detalhar como funcionaria, porém. Por meio de um aplicativo, o pessebista diz que a população receberá informes sobre o nível do rio e alertas críticos de alagamentos.

A informatização é o norte do plano de governo dos socialistas. “O Lajeado 4.0 vai, finalmente, trazer a Prefeitura de Lajeado para o Século XXI. A gente vai desburocratizar os serviços, agilizar, facilitar e digitalizar. Todos os serviços municipais vão ter acessos através do site e aplicativo “Fala Lajeado’, como geração de guias de tributos, alvarás municipais, matrículas em creches e escolas municipais, atendimentos em postos de saúde, monitoramento do transporte público, denúncias de problemas na cidade, entre outros serviços”, explica.

Sabatina na bancada do programa Troca de Ideias (Foto: Tiago Silva)

Klaus diz que as parcerias público-privadas (PPPs) terão um papel importante em um eventual governo do PSB em Lajeado. “Temos a ideia manter parcerias com Univates, com o Hospital Bruno Born e parcerias para construção de transporte coletivo inteligentes, com telas interativas”, diz. Segundo ele, as PPPs vão “desonerar os gastos da prefeitura e melhorar a vida da população”.

Inspirado na Nova Zelândia, o candidato a vice-prefeito diz que serão colocadas telas nas paradas de ônibus, nas quais os usuários do transporte coletivo poderão ver quando o ônibus passará, para onde vai o itinerário e horário de chegada no destino. Tal proposta seria executada com parceria de empresas privadas, Klaus diz. Elas ficariam responsáveis pela compra e manutenção das telas. Em troca, ganhariam em exposição e visibilidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui