A história e os desafios da arte de empreender da Motomecânica Lajeado

O programa foi apresentado direto da Motomecânica de Lajeado, que completou 75 anos de história na última quinta-feira (15).


3

Nesta 12ª edição do programa conversaremos com a empreendedor e empresário Rogério Kappler, diretor da Motomecânica Concessionária Wolkswagen. O programa foi apresentado direto da Motomecânica de Lajeado, que completou 75 anos de história na última quinta-feira (15).

A empresa surgiu em 1945 na Júlio de Castilhos, no Centro de Lajeado, onde atualmente se situa a Caixa Econômica Federal, transferindo-se posteriormente para o Bairro Florestal, próximo à BR-386. A fundação se deu com as famílias Sttauschmidt, Assis Brasil e Ferrari. Depois se integraram ao negócio, além de Rogério Wink, Rogério Kappler e Delmar Giongo. Atualmente, além da matriz em Lajeado, conta com uma filial em Venâncio Aires.


Postura profissional: A maneira como lidamos com o dinheiro conta algo de nossa história

com Tamara Bischoff.

Recentemente, escrevi para uma profissional da área odontológica perguntando o preço de um serviço que era de meu interesse. Ela me passou o valor, mas foi logo se justificando e me orientou a ter cuidado com profissionais que cobrassem muito menos, pois poderiam não oferecer qualidade no serviço.

Não fiz aquilo para pechinchar, eu havia escolhido aquela profissional justamente por acreditar no seu trabalho, eu apenas queria saber se a quantia que ela cobrava era compatível com aquilo que eu estava disposta a pagar.


ouça o quadro

 


 

Penso que essa é uma prática que deveria ser mais incorporada ao nosso cotidiano, sem receios, vergonha ou coisa do tipo, pois ela evita alguns dissabores. Quem nunca ouviu alguém reclamando de ter pago um preço exagerado por um produto ou serviço? Mas por que não se informou antes?

Assim como nas demais áreas de nossa vida, a relação com o dinheiro revela algo importante a respeito do nosso psiquismo. Pagar um preço exagerado pra querer bancar algo que você não é, por exemplo, pode denunciar uma necessidade de pertencimento, de querer ser parte do mundo da riqueza e do glamour, prática bem comum na adolescência, mas que algumas pessoas carregam por toda vida. Outro exemplo que costumo observar bastante é o das pessoas que precisam pechinchar ao máximo e sentem-se vitoriosas quando conseguem um desconto, mesmo que a quantia seja insignificante. É o tipo que precisa conseguir alguma vantagem, estar no controle. E tem também aqueles que não perguntam o valor antes de comprar, mas depois ficam reclamando que pagaram muito caro. Para esses, o gozo está no ato de se queixar, se vitimizar, e a culpa sempre é do outro.

Penso que temos alguma liberdade para estipular o valor do nosso trabalho, assim como para delimitar a quantia que estamos dispostos a pagar por algum produto ou serviço. Se achei muito caro, posso tentar negociar ou então devo buscar outra alternativa.
Quando estamos melhor resolvidos com esse importante aspecto de nossas vidas, conseguimos usar nossos recursos financeiros com mais propriedade, e até mesmo com alguma leveza. Como disse o Papa Francisco, “o dinheiro tem que servir, não governar.”

Tamara Bischoff, jornalista e psicóloga.


Espaço Sebrae: confira dicas para vender na internet

com Liane Klein

Para vender, não importa qual seja o negócio, é preciso satisfazer o cliente. Na internet, a lógica é a mesma. Mas, para alcançar sucesso no universo online, é preciso estar atento a fatores-chave do mercado digital. Como a pandemia acelerou as vendas online, hoje preparei algumas dicas para vender na internet.

Antes de dar o primeiro passo, é preciso entender o que está por trás de um e-commerce, quais investimentos são necessários, quem são os parceiros, fornecedores, clientes e concorrentes, como será a estratégia de marketing.

Tenha um site 100% funcional, o cliente precisa ter facilidades ao entrar na loja. Caso contrário, ele desiste em um clique e dificilmente voltará. Os problemas mais comuns são: site lento, imagens muito pequenas, cores ilegíveis.


ouça o quadro

 


 

Possua obsessão pela logística, pois não existe contato físico na compra pela web, e isso gera uma grande expectativa no cliente para receber a mercadoria. O tempo de espera deve ser igual ou menor que o prazo acordado no site e a mercadoria precisa chegar impecavelmente embalada.

Ofereça multicanais ao cliente, é necessário estar presente nas redes sociais, criar um blog, ter um chat ou um e-mail específico para o atendimento ao cliente, além de ter um número de telefone bem visível no site.

Monte uma equipe preparada e bem treinada para cuidar do conteúdo, do design, de questões relacionadas à tecnologia da informação e ao marketing.

Anuncie, uma boa maneira é começar fazendo testes com pequenos investimentos e verificando se houve aumento de cliques, de visitas e de vendas.

Invista em Otimização para Mecanismos de Buscas, os sites de busca são a principal fonte de procura de informações pelos que navegam na web.

Tenha um site seguro, é necessário garantir segurança ao cliente no momento da compra, pois este é um dos fatores mais determinantes no mercado digital.

Invista na gestão do seu negócio!! Para saber mais procure o Sebrae!

Ótimo final de semana a todos!!

Liane, gerente do Sebrae Vales do Taquari e Rio Pardo

3 Comentários

  1. Grande Rogério, Motomecânica um exemplo de longevidade empresarial e uma referência no ramo de automóveis. Vida longa!

  2. Grande Rogério, Motomecânica um exemplo de longevidade empresarial e uma referência no ramo de automóveis. Vida longa! Grande empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui