A irresponsabilidade do “liberou geral” e a falta de respeito aos protocolos

A descentralização das decisões foi um grande erro. O Governo do Estado perdeu o pulso


1

Erro grave

A irresponsabilidade de muitos e o “liberou geral”, sem o mínimo respeito aos protocolos estabelecidos, são os principais responsáveis pelo agravamento do quadro da pandemia no Estado. De novo. Várias regiões estão em alerta. A descentralização das decisões foi um grande erro. O Governo do Estado perdeu o pulso. E tem prefeitos que não querem segurar. Agora é torcer que a nova onda não venha com tanta força.

Verba ao hospital

Prefeito e vice de Marques de Souza estiveram esta semana em Brasília em audiências nos ministérios da Saúde e Agricultura. Também mantiveram encontros no Congresso solicitando recursos para o município e ao Hospital de Marques. Na foto, Fabio Mertz (prefeito) e Lairton Heineck (vice), com o deputado federal Carlos Gomes que confirmou o recurso de R$ 200 mil para a casa de saúde local. Esta é a segunda emenda parlamentar, de mesmo valor, destinada ao Hospital de Marques de Souza, pelo parlamentar.

Foto: Divulgação

As mulheres

Os 145 anos de Estrela foram comemorados na quinta-feira. O prefeito Elmar Schneider conseguiu reunir cinco secretários estaduais, deputados e autoridades regionais. Sinal de prestígio. O destaque fica para as mulheres, assessoras do prefeito. Na foto (caminhando ao seu lado), a secretária da Cultura, Esporte e Lazer, Carine Schwingel; e na sequência a primeira dama, Vera Marqueto; a chefe de Gabinete Andressa Traesel e a secretária particular Maiele Royer. A primeira dama tem tido presença marcante nos principais eventos de Estrela neste início de governo. E em todos os discursos, Schneider fala da força da mulher na história de Estrela.

Foto: Frederico Sehn / Divulgação

Transporte 

O chefe de gabinete Jonatan Brönstrup acompanhou, representando a Casa Civil, a entrega de 36 ônibus escolares aos municípios gaúchos. Um dos veículos será direcionado para o município de Teutônia, da qual ele foi prefeito por quatro anos. Os veículos foram adquiridas com recursos oriundos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), pelo programa Caminho da Escola, do governo federal. Estiveram presentes a secretária de Educação, Raquel Teixeira, os deputados estaduais Dirceu Franciscon, Marcus Vinícius e Sérgio Peres, o deputado federal Carlos Gomes e o presidente do partido Republicanos de Teutônia, Reginaldo Morais.

Foto: Nabor Goulart / Divulgação

Troca com o INSS

Não é de hoje a tentativa do Hospital Bruno Born em adquirir o prédio onde funciona o INSS. É uma área estratégica para o HBB. O município de Lajeado tem se envolvido nas tratativas. Conforme o prefeito Marcelo Caumo, as conversas estão adiantas e com sinal verde do governo federal para que a negociação ocorra. Três áreas foram oferecidas: antiga praça Mario Lampert, no centro, destinada para o prédio da Câmara de Vereadores (projeto ficou no papel); antiga sede da Sthas, no centro e a área onde funcionam as Câmaras Mortuárias, próximo da Rodoviária de Lajeado. Na troca, o HBB assume o compromisso da construção do novo prédio do INSS.

Curtas

** Feliz está o assessor parlamentar Felipe Diehl com recentes resultados de pesquisas eleitores no Rio Grande do Sul. O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (Democratas), aparece bem posicionado na disputa ao governo gaúcho.

** Presidente da Câmara de Vereadores de Colinas, Fabiel Zarth, não comandou a última sessão do legislativo e ficará afastado por mais 15 dias. Ele está com Covid.

** Foi colocado no ar o blog do jornalista Deolí Gräff. Nele, Deolí escreve sobre sua atuação como vereador e relata suas impressões sobre o cenário local e nacional.

** O Vale do Taquari teve queda de 16,7% no número de óbitos e de 26% no número de casos por Covid-19 nos 36 municípios do Vale do Taquari, na comparação das duas últimas semanas.

** Em função da pandemia, decreto do Governo do Estado impediu por um longo período a leitura presencial das contas de água da Corsan. Com isto a empresa fez uma média para gerar a fatura, que foi enviada pelos Correios. Mas nem todos os consumidores receberam. A Corsan orienta que baixem a segunda via na internet, caso contrário a empresa fará o corte no fornecimento

** Ao abrir sua casa para um almoço com o ex-presidente Lula, Fernando Henrique Cardoso dá recado aos pupilos Eduardo leite e João Dória que o PSDB deve migrar para um apoio ao candidato petista para “tirar” Bolsonaro do poder. Tanto Leite como Dória sabem que a busca por uma candidatura própria à presidência no PSDB depende de aval do ex-presidente FHC, que hoje parece inclinado a apoiar Lula.

1 comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui