Prefeitura de Lajeado volta a permitir esportes coletivos a partir desta quinta-feira

As competições, no entanto, seguem proibidas; outra novidade é o retorno do atendimento a crianças de 1 e 2 anos nas escolas municipais


0
Foto: Ilustrativa / Reprodução

Quase quatro meses após a proibição, os esportes coletivos voltaram a ser permitidos em Lajeado. A informação foi divulgada pelo prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo, em reunião realizada no fim da tarde desta quarta-feira (16) no auditório do Hospital Bruno Born, em Lajeado, com o Comitê Regional de Enfrentamento à Covid-19 e representantes dos setores envolvidos. Os jogos amistosos poderão ser realizados a partir desta quinta-feira (17). Por outro lado, as competições seguem proibidas e a situação será reavaliada daqui 14 dias.

Caso a região de Lajeado receba o Alerta do Sistema 3As do Governo do Estado, estas flexibilizações serão novamente suspensas. Para jogos amistosos, será necessário o intervalo de 15 minutos entre cada partida. Os bares dos clubes deverão estar fechados. Após o jogo os atletas deverão deixar o local para não terem contato com as próximas pessoas.

Apesar de muitos municípios do Vale do Taquari já estarem permitindo jogos de futebol e outros esportes com mais de duas pessoas há algumas semanas, em Lajeado a prática estava proibida desde 26 de fevereiro, quando todo o estado do Rio Grande do Sul foi classificado pela primeira vez como bandeira preta.

Mais crianças nas escolas

Além do esporte, também foi anunciada a permissão do retorno das aulas para crianças de 1 e 2 anos nas escolas municipais, bem como a presença de um maior número de estudantes nas salas de aula de todas as redes de ensino em função da baixa propagação do coronavírusnas escolas. As turmas de berçário (crianças menores de 1 ano) não retornarão neste momento.

Durante a reunião, que contou com a presença de representantes de diversos setores, como comércio, serviços, bares e restaurantes, academias e estabelecimentos de esporte, clubes e outros, foram apresentados indicadores que demonstram uma estabilização dos atendimentos na saúde e na positividade dos testes de coronavírus, apesar de os índices de ocupação hospitalar ainda estarem altos.

As outras regras mais restritivas do que as propostas pelo Governo do Estado no novo sistema 3As seguem valendo nos setores de esporte, bares e restaurantes, casas noturnas e de festas.

O novo decreto deverá ser publicado nesta quinta-feira (17).

Texto: Ricardo Sander
ricardosander@independente.com.br