A trajetória de sucesso do prefeito Marcelo Caumo 

O programa abordou trajetória de sucesso do chefe do Executivo, utilizando a arte de empreender na vida pública e privada. Confira também os quadros "Postura Profissional" e "Espaço Sebrae".


0
Prefeito Marcelo Caumo com o apresentador Ricardo Brunetto (Foto: Rodrigo Gallas)

Nesta edição do programa “Arte de Empreender”, o apresentador Ricardo Brunetto recebeu para entrevista na bancada da atração o prefeito reeleito em Lajeado, Marcelo Caumo.

O programa abordou sua trajetória de sucesso, utilizando a arte de empreender na vida pública e privada. O prefeito tem 42 anos e já atuou como assessor jurídico e procurador-geral de Lajeado.

Caumo (PP) fez 71,26% dos votos válidos. Márcia Scherer (MDB) ficou em segundo lugar na disputa à prefeitura do município com 23,86%. Já Daniel Fontana fez 4,89% (PSB).

Assista à live do programa 

 


Para empreender é preciso saber lidar com os fracassos

com Tamara Bischoff.

Hoje quero falar sobre persistir diante de dificuldades. Quem pretende empreender precisa ter ciência de que não basta apenas ter grandes ideias, é preciso aquela dose extra de tolerância à frustração para conseguir levar adiante os projetos, uma vez que o caminho nem sempre é tranquilo. Um empreendedor deve saber que enfrentará problemas, que nem tudo sairá como planejado. É bem provável que na história da grande maioria dos empreendedores de sucesso, se não de todos, tenha havido inúmeras situações inesperadas, resultados desagradáveis, mas que não foram suficientes para os fazer desistir.

Tamara Bischoff, jornalista e psicóloga

A trajetória do prefeito Marcelo Caumo, eleito pela segunda vez no último domingo para administrar a maior cidade do Vale do Taquari, mostra essa capacidade de tentar de novo. Caumo perdeu a primeira eleição. Na segunda tentativa, teve êxito, e na terceira, recebeu aprovação ainda maior. Bem provável, algo na sua história, no seu psiquismo, o levou a entender que as situações adversas não precisam ser paralisadoras.

Alguns empreendedores, devido às suas incapacidades de lidar com os eventos traumáticos do viver, acabam desistindo diante da primeira derrota, e com isso, perdem a oportunidade de lá na frente, receberem a recompensa por seus esforços e experimentarem o gosto do sucesso.


ouça o quadro

 


 

Sobreviver criativamente aos dissabores da vida, ser resiliente, é uma habilidade que desenvolvemos nos primeiros anos de vida. No entanto, se tal característica nos falta, podemos trabalhar a questão em um percurso de terapia ou análise. Lembre-se que nossa vida é como um livro, constituída de capítulos; logo, um capítulo ruim não precisa ser o fim da história, nem determinar o tom de seu desfecho.

Tamara Bischoff, jornalista e psicóloga.


PIX chegou para mudar a maneira como os meios de pagamento acontecem no Brasil

Liane Klein, gerente regional do Sebrae

com Liane Klein.

Hoje optei por falar sobre o PIX que chegou para mudar a maneira como os meios de pagamento acontecem no Brasil. Desde o dia 16 de novembro de 2020, pessoas físicas e jurídicas podem comprar e vender produtos e serviços de um jeito fácil e rápido.

Regulamentado pelo Banco Central o Pix é um novo sistema eletrônico de pagamento instantâneo. Entre suas funcionalidades estão pagamentos 24 horas incluindo finais de semana e feriados. O usuário pode efetuar um pagamento com uso de lista de contatos no celular ou QR Code, código de barras virtual, que com ele poderá ser cadastrado o valor da transação e enviado para o pagador.

O PIX causa impacto para os pequenos negócios, porque o custo de adesão é menor que dos demais meios eletrônicos. Os recursos são disponibilizados de forma imediata, o que tende a reduzir a necessidade de crédito, facilidade de automatização e de conciliação de pagamentos.


ouça o quadro

 


 

Também traz benefícios para os clientes dos pequenos negócios, porque é mais rápido, barato, mais prático, mais simples, além da possibilidade de integração com outros serviços no smartphone.

O Pix não possui plataforma própria, pois se trata de uma funcionalidade de pagamento a mais no aplicativo da instituição financeira, em que você já possui conta. Pelo menos as 34 maiores instituições do país são obrigadas, pela regulação aderir a funcionalidade.
Se você quiser saber mais sobre o que é o Pix e detalhes sobre como implementar essa forma de pagamentos nas estratégias do seu negócio, entre em contato com o Sebrae da sua região. 💰💸

Desejo um excelente final de semana a todos!!

Liane Klein, gerente regional do Sebrae.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui