Associação dos Secretários da Agricultura dos Municípios do Vale do Taquari  encaminha pedidos ao Estado para amenizar prejuízos com a estiagem

Douglas Sulzbach, entregou ofício à secretária estadual Silvana Covatti no qual solicita ajuda à classe da região


0
Foto: Divulgação

O secretário de Estrela, Douglas Sulzbach, também presidente da Associação dos Secretários da Agricultura dos Municípios do Vale do Taquari (Asamvat) – vinculada à Amvat, esteve em Porto Alegre nesta quarta-feira (5). Pela manhã acompanhou a reunião que o governador Eduardo Leite teve com a secretária da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), Silvana Covatti, para tratar das ações do governo estadual com relação à estiagem. À tarde, na companhia do coordenador do Setor de Meio Ambiente da Prefeitura de Colinas, Marco Rohr, Sulzbach teve outro encontro com Silvana Covatti, quando então entregou um ofício à parte da Asamvat, no qual reitera ajuda especial aos municípios filiados à associação para o combate à estiagem.

Entre outras medidas solicitadas no ofício da Asamvat, está a solicitação da liberação e priorização dos recursos do programa Avançar na Agropecuária e no Desenvolvimento Rural; a anistia do programa troca-troca de milho para os produtores rurais; a renegociação junto ao Bacen das dívidas oriundas do Pronaf, custeios agrícolas e pecuários; e de forma mais direta, o amparo aos produtores do Vale do Taquari em outras ações pontuais e diversas. De acordo com Sulzbach, o encontro foi bastante positivo. “Entendemos que se trata de um problema estadual, e não apenas da nossa região, mas precisamos de certa forma demonstrarmos e ressaltarmos como o setor é importante para nosso Vale. Fomos muito bem recebidos pela secretária, que sempre se mostra muito disposta a nos ouvir e ajudar. Ela reconheceu as nossas dificuldades, que atingiram diversos ramos de nossa agricultura, mas em especial a nossa cadeia leiteira, e esperamos resultados”, destaca Sulzbach. “Vamos agora aguardar o andamento de algumas medidas que já foram tomadas e o desdobramento da reunião de segunda-feira (10) na Famurs, mas seguiremos atentos.”

Medidas

Após a reunião da manhã, o governador Eduardo Leite deu aval para a ampliação do programa Sementes Forrageiras, cujo prazo para manifestação de interesse foi prorrogado até 15 de janeiro pela Seapdr. O Estado também ampliará o subsídio para o programa Troca-Troca de Semente de Milho da safra 2021/2022 aos produtores que estão em municípios que decretaram situação de emergência. O detalhamento do repasse dos valores ainda será discutido entre a Seapdr e a Secretaria da Fazenda (Sefaz). O governador também solicitou à Seapdr que estude as condições pelas quais o Estado poderia subsidiar as taxas de juros nas linhas de crédito rural, contratadas pelos produtores de leite, muito impactados pela falta de chuva. Levantamento da Emater/RS-Ascar apontou que 1,6 milhão de litros de leite estão deixando de ser captados por dia no Estado. Por fim, a Defesa Civil está encarregada de elaborar uma estratégia para disponibilizar caminhões-pipa que transportem água, especialmente para o consumo humano e de animais.

19 municípios

Segundo último levantamento, 123 municípios gaúchos decretaram situação de emergência – 15 já tiveram a situação homologada pelo Estado e 11 reconhecida pelo Governo Federal. Na região, pelo menos 19 municípios decretaram situação de emergência em razão da estiagem. São eles Estrela, Doutor Ricardo, Nova Bréscia, Boqueirão do Leão, Cruzeiro do Sul, Arroio do Meio, Vespasiano Corrêa, Putinga, Mato Leitão, Colinas, Sério, Arvorezinha, Anta Gorda, Capitão, Muçum, Imigrante, Pouso Novo, Relvado e Roca Sales. Na próxima segunda-feira (10), às 9h, o presidente da Amvat, prefeito de Colinas Sandro Herrmann, participa de reunião na Famurs, em Porto Alegre, quando será tratado sobre os efeitos da estiagem. Os prefeitos de todo o Estado poderão acompanhar o encontro de forma virtual. Temas como zoneamento agrícola, dívidas da agricultura, liberação de recursos, linhas de créditos, licenciamento ambiental e detalhes do Avançar na Agricultura serão debatidos. AI/VM

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui