Cartas na mesa e estratégias bem planejadas para definir o rumo partidário

Na janela, que encerra dia 4 de abril, teremos algumas mudanças de siglas de vários possíveis candidatos, dos que já são detentores de cargos políticos e de outros que buscarão uma vaga.

0

Hora de decidir
A eleição é somente em outubro, mas o período para definir o rumo partidário é agora. Na janela, que encerra dia 4 de abril, teremos algumas mudanças de siglas de vários possíveis candidatos, dos que já são detentores de cargos políticos e de outros que buscarão uma vaga. As cartas estão colocadas na mesa e com muitos estrategistas agindo. Se conseguirem dar a cartada certa agora, a conquista ficará mais perto.


Agilidade
Encantado agiu rápido e conquistou o primeiro Colégio Cívico-Militar do Estado do Rio Grande do Sul. Convênio foi assinado esta semana e os méritos são do prefeito Adroaldo Conzatti e da secretária de Educação Greicy Weschenfelder. Fica a expectativa quanto aos efeitos práticos da instituição. Resgatar o respeito e a disciplina no meio escolar é um grande desafio para todos os educandários e o modelo a ser adotado pelo método cívico-militar poderá facilitar este processo.


Pelo emprego
Prefeito de Teutônia Jonatan Brönstrup esteve em São Paulo esta semana participando da COUROMODA, mais importante feira de calçados e artigos de couro da América Latina. O prefeito reuniu-se com empresários do setor, buscando viabilizar investimentos para Teutônia. O esforço maior é a atração de uma unidade fabril da Calçados Arezzo. Na foto, Brönstrup está com Anderson e Alexandre Birman, pai e filho, donos da empresa. A Arezzo está expandindo seus negócios com lojas ao redor do mundo e precisa aumentar o número de fábricas. Teutônia passa a ser uma das opções.


Cadê?
Tirando a virada do ano, acima do esperado, o movimento nas praias do litoral norte gaúcho não é o mesmo de anos anteriores. A constatação é de veranistas de praias como Capão da Canoa, Tramandaí e Torres, as maiores. Ente os possíveis motivos apurados estão a situação financeira (não está fácil pra ninguém); o atraso nos salários dos servidores estaduais e a greve dos professores.


Curtas:

  • Vereador Eder Sphor (MDB) está avaliando se concorrerá à reeleição. Investimentos bem sucedidos na área esportiva faz com que o vereador de primeiro mandato repense sua carreira política. Rose, irmã de Eder, que já concorreu, poderá sucedê-lo na disputa, mas pelo PSB.
  • Vereador Marquinhos Scheffer (MDB) concorrerá à reeleição. Apesar das especulações, seu pai, ex-vereador Antônio, não deverá voltar a vida pública.
  • Dos atuais vereadores de Arroio do Meio, pelo menos três, deverão ficar fora da disputa deste ano, motivados por questões pessoais.
  • Em Bom Retiro do Sul, destino político do prefeito Edmilson Busatto (sem partido), deve ser definido em breve. Após sua saída do PPS, o prefeito já recebeu convite do MDB, PDT e agora “namora” com o PSB, provável destino.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui