Anderson Leonardo, vocalista do Molejo, é acusado de estuprar rapaz de 21 anos; polícia investiga

Anderson se disse surpreso com as notícias envolvendo seu nome e negou qualquer ato de violência.


0
Foto: Reprodução

Nesta quarta-feira (3), o vocalista do grupo de pagode Molejo, Anderson Leonardo, foi acusado de estupro por um rapaz de 21 anos. O jovem prestou queixa na 33ª Delegacia de Polícia do Rio. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado de Polícia Civil.

No depoimento o jovem relatou ter fechado um contrato “por palavra” para ser empresariado por Anderson. No dia 11 de dezembro, o pagodeiro teria combinado uma reunião de negócios com o rapaz, mas o levou para um motel. O jovem contou não ter escondido seu constrangimento com a atitude inesperada, mas Anderson argumentou que, ainda assim, era um compromisso profissional. “Calma, é uma reunião sigilosa que pode mudar a sua carreira”, teria dito o cantor.

Ainda de acordo com a assessoria da polícia, investigadores esperam também por um laudo após realização de exame: “Os agentes aguardam o resultado do boletim médico do hospital para verificar se houve ato sexual, e vão requisitar imagens de câmeras de segurança instaladas no estabelecimento onde teria acontecido o fato e ouvir testemunhas”.

Além disso, a nota divulgada diz que o local onde tudo teria acontecido será vasculhado para que se achem possíveis pistas: “Os policiais também vão coletar objetos e elementos que estejam relacionados ao caso para esclarecer todas as circunstâncias do ocorrido”.

Em comunicado para a imprensa, Anderson se disse surpreso com as notícias envolvendo seu nome e negou qualquer ato de violência.

Fonte: Hugo Gloss

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui