Anvisa autoriza uso emergencial de coquetel contra Covid-19

Confira as informações do programa Correspondente Independente do meio-dia


0
Reprodução em 3D do modelo do novo coronavírus (Sars-CoV-2) criada pela Visual Science (Foto: Reprodução/Visual Science)

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta terça-feira (20) o uso emergencial de um medicamento contra a Covid-19. Trata-se de um coquetel que contém a combinação de casirivimabe e imdevimabe (Regn-CoV2), dois remédios experimentais desenvolvidos pela farmacêutica Roche. É o segundo medicamento aprovado pela agência. O primeiro foi o remdesivir. A aplicação é intravenosa e o medicamento é indicado para o começo da doença. O uso é restrito a hospitais e a venda é proibida ao comércio. Segundo a Anvisa, o tratamento é indicado para adultos e pacientes pediátricos (com 12 anos ou mais que pesem no mínimo 40 kg) que não necessitam de suplementação de oxigênio, com infecção confirmada por laboratório e que apresentam alto risco de progressão para Covid-19 grave. G1

 

Caixa paga seguro-desemprego em conta poupança social digital

Os cidadãos que não indicarem conta no requerimento de pagamento do seguro-desemprego e não possuírem outro tipo de poupança na Caixa passam a partir desta terça-feira, a receber o benefício por meio da conta poupança social digital. As contas digitais serão abertas automaticamente e de forma gratuita pela Caixa, sem a necessidade de apresentação de documentos e comparecimento à agência. A movimentação será pelo aplicativo Caixa Tem. “Para quem já tem outro tipo de conta na Caixa, os créditos serão realizados nas contas existentes e os valores poderão ser movimentados com a utilização do cartão da conta ou ainda pelo Internet Banking ou pelo aplicativo do banco. Nos casos em que o valor do Seguro-Desemprego não possa ser creditado em conta existente ou em conta poupança social digital, o trabalhador poderá realizar o saque com o Cartão do Cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas e nos correspondentes Caixa Aqui, além das agências”, explicou a instituição financeira. Fonte: Correio do Povo

Espanha prorroga restrições a voos do Brasil e África do Sul até 11 de maio

O governo da Espanha prorrogou, nesta terça-feira (20), as restrições aos voos procedentes do Brasil e África do Sul para controlar a propagação de novas variantes do vírus no país. A nova data para revisão da política é 11 de maio . Esta é a sexta prorrogação desta medida, aplicada desde 2 de fevereiro para prevenir as variantes do coronavírus procedentes dos dois países. Devido à restrição, apenas cidadãos espanhóis, andorranos e estrangeiros residentes na Espanha e Andorra podem voar para o país. Fonte: G1

 

Estância Velha inicia a vacinação para pessoas com comorbidades nesta terça-feira

Estância Velha inicia nesta terça-feira a vacinação de pessoas com comorbidades, dentro do plano de imunização contra a Covid-19. A ação teria ocorrido na sexta-feira, mas por orientação da Secretaria Estadual de Saúde (SES), foi suspensa. Após uma reunião entre o Ministério Público e o prefeito Diego Francisco, na tarde desta segunda-feira, o promotor Bruno Amorim Carpes expediu uma recomendação para que o município passe a vacinar imediatamente o próximo grupo prioritário conforme o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, que abrange pessoas de 18 a 59 anos com comorbidades. Diante da recomendação, a prefeitura marcou a retomada da vacinação para esta terça-feira, a partir das 13 horas, nos oito postos de saúde do município. A aplicação de doses será para doentes crônicos com 59 anos. É preciso comprovar a doença com exames, laudo, receita médica ou prescrição médica. Fonte: Correio do Povo

Ministério da Saúde da Colômbia autoriza viagem do La Equidad para enfrentar o Grêmio

O Ministério da Colômbia autorizou os clubes colombianos a viajar para o Brasil para os confrontos válidos pela Libertadores e Sul-Americano. Desta forma, o jogo de estreia do Grêmio contra o La Equidad está confirmado para quinta-feira, na Arena.O clube e outras agremiações colombianas envolvidas nas competições sul-americanas divulgaram nos últimos dias um pedido de liberação especial para que pudesse viajar pelo continente sem ser obrigado a fazer uma quarentena na volta ao país. Um decreto publicado em janeiro, pelo governo colombiano, restringe a entrada de pessoas procedentes do Brasil em terras colombianas devido a Covid-19. Dessa forma, a delegação do La Equidad, poderia viajar a Porto Alegre, mas não conseguiria retornar para casa. Fonte: Correio do Povo

Produção e apresentação: Caroline Silva
Próxima edição: ao meio-dia

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui