Ao completar 40 anos, Teutônia realiza cerimônia de fechamento de cápsula do tempo

O Município colocou a cápsula em 1984, junto à pedra fundamental, onde hoje se situa o Centro Administrativo. Novo fechamento prevê reabertura daqui a 30 anos.


0
Foto: Júlio César Lenhard

Um ato simbólico marcou o aniversário de quatro décadas de história de um dos municípios mais desenvolvidos do Vale do Taquari. Teutônia completa 40 anos de história nesta segunda-feira (24). Em 1984, na divisa entre os bairros Canabarro e Languiru, junto a pedra fundamental foi colocada uma cápsula do tempo e foi aberta no último dia 7 de Maio de 2021 nesse dia 24 de Maio a captação foi fechada novamente com a previsão de ser aberta em 24 de maio de 2051, exatamente daqui a 30 anos. “Na época o prefeito Elton Klepker, realizou exatamente nesse local a colocação da cápsula para simbolizar o trabalho em união, evitando qualquer tipo de disputa ou rivalidade, e sim o desenvolvimento do município”, explicou o atual prefeito Celso Forneck (PDT).

Cartas com mensagens e sonhos para os próximos 30 anos foram colocadas por representantes de entidades e autoridades do município, dentro da cápsula que foi colocada no depósito do saguão principal do centro administrativo. Para o chefe do executivo teutoniense o segredo para o grande desenvolvimento de Teutônia em quatro décadas de história, é o trabalho em união e os visionários que no início da história de Teutônia, fizeram com que a cidade crescesse de forma organizada.

Na noite desta segunda-feira (24), uma sessão solene ocorreu em homenagem ao aniversário do município na Câmara de Vereadores.  “Me alegra o fato de que isso foi proposto pelos próprios vereadores, mostrando que em Teutônia o executivo e o legislativo trabalham de forma unida pelo crescimento”, pontua o prefeito.

A data de 24 de Maio de foi escolhida como a de aniversário pois foi o dia em que ocorreu a “vitória do sim” pela emancipação do município, em relação à Estrela, no plebiscito que ocorreu em 1981. O material encontrado na cápsula do tempo aberta no último dia 7, será exposto para comunidade poder ter acesso, no museu Henrique Uebel em Teutônia.

Texto: Júlio César Lenhard

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui