O valor do borracheiro

Neri de Lima (57) trabalha há 22 anos na profissão e está acostumado a receber ligações na madrugada com pedidos de socorro


1
Borracheiro Neri de Lima atende em plantão (Foto: Joel Alves)

Na manhã desta segunda-feira (21) o morador do Bairro Morro 25, em Lajeado, estava indo para o trabalho quando furou o pneu de seu carro ao passar em frente a Associação Comercial e Industrial de Lajeado (ACIL), ao pegar o estepe, percebeu que também estava furado, foi então que ligou para o borracheiro. “Estava indo trabalhar e furou o pneu do carro, o estepe também estava furado, tive que chamar o borracheiro”, fala da Silva.

O borracheiro Neri de Lima (57) trabalha há 22 anos nesta profissão e está acostumado a receber ligações na madrugada com pedidos de socorro. “Me chamaram na madrugada de sexta, sábado e hoje cedo para fazer socorro”, fala ele.


ouça a reportagem 


 

De Lima, que já trabalhou na agricultura, indústria e motorista, não se incomoda com as ligações fora de hora e com as condições mais diversas na hora de fazer um socorro. “Já troquei pneu de carreta em cima da ponte do Rio Taquari quando estava chovendo, fiquei encharcado e sujo, mas isso é normal, não posso reclamar da profissão que escolhi”, diz Lima.

Lima trabalha todos os dias, inclusive nos feriados e domingos. O contato do borracheiro Neri de Lima é: (51) 99776-5483.

Texto: Joel Alves

1 comentário

  1. Parabéns Joel Alves pela matéria, o bom radialista sempre destaca as diversas camadas da nossa sociedade. Existem muitos da latinha que só querem destacar uma elite da sociedade. Abração Círio Cigano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui