Após 51 anos, jornal O Informativo do Vale anuncia paralisação temporária

Fundado em 8 de maio de 1970, o jornal possuía circulação de 8 mil exemplares/dia na semana e 8,5 mil aos sábados; 50 funcionários foram desligados


1
Foto: Caroline Silva

A Rede Vale de Comunicação Ltda, gerenciadora do jornal O Informativo do Vale anunciou, em nota divulgada na tarde desta terça-feira (24), que paralisará temporariamente as atividades do jornal a partir desta data. Fundado em 8 de maio de 1970, por Oswaldo Carlos van Leeuwen, o veículo de comunicação possuía circulação de 8 mil exemplares/dia na semana e 8,5 mil aos sábados, em 38 municípios da região.

De acordo com a nota, em função dos percalços causados pela pandemia da covid-19, os produtos e matérias-primas utilizados tiveram um aumento desenfreado, ficando inviável a manutenção do veículo. No dia 19 de abril deste ano, o fundador e ex-diretor do jornal, Oswaldo Carlos van Leeuwen, morreu aos 90 anos, em decorrência de complicações médicas. 

Direção não quer se manifestar

Procurada pela reportagem da Rádio Independente, a direção do jornal O Informativo não quis dar entrevista ou se manifestar. A única informação confirmada é que o meio de comunicação possuía 50 colaboradores. De acordo com relatos de trabalhadores, todos  foram desligados nesta terça-feira, o que para alguns, foi uma surpresa. Além do jornal, o site e a rádio web da rede também encerraram suas atividades.

Gigliola Casagrande era uma das funcionárias mais antigas da empresa, onde prestava serviço há 26 anos e ajudou a escrever parte das 12.445 edições do impresso. Em sua conta de uma rede social ela escreveu  que foi no Informativo onde conheceu o jornalismo, suas vitórias e decepções. “Aprendi a amar a profissão na qual iniciei ainda no prédio velho, nas edições feitas no método artesanal. Sem celular, sem internet, sem whatsapp. Entrevistas olho no olho, a notícia está na rua. Fiz reportagem, edição, editoração, revisão, baixamento. Aprendi o online. Contei centenas de histórias. Foram inúmeras as matérias, algumas guardo com carinho até hoje. Tive o exemplo de excelentes profissionais. Fiz parte desta família, que foi e ainda é muito minha. Fica o legado deste grande veículo. E a torcida para uma reviravolta. No coração, a Gigliola vai continuar sendo a Gigi, de O Informativo”, escreve.

Gigi e seu Osvaldo (Foto: Arquivo/Lidiane Mallmann)

Confira a nota do jornal O Informativo na íntegra:

COMUNICADO À COMUNIDADE DO VALE DO TAQUARI

A direção da Rede Vale de Comunicação Ltda, na pessoa da diretora geral Srª Ivone Villa, decide na data de hoje, 24 de agosto de 2021, pela paralisação temporária das atividades do Jornal O Informativo do Vale.

Em 51 anos, nos dedicamos a contar histórias e fazer a diferença na nossa comunidade, hoje com tantos percalços no caminho como a pandemia da covid-19, a alta desenfreada dos produtos e matérias-primas tornam ainda mais impossível de se manter com a qualidade e apreço que temos pelos nossos leitores, patrocinadores, amigos, funcionários, ouvintes e apoiadores.

Ao comunicar esta paralisação, queremos aqui, agradecer de maneira muito especial ao visionário Oswaldo Carlos van Leewen (in memorian), pelo seu legado e trabalho árduo ao construir este magnífico meio de comunicação e de conversa com a comunidade como um todo.

Aos funcionários que por aqui passaram e que juntos lutaram até aqui, para que esse canal de comunicação sempre estivesse na casa dos nossos leitores e que através da rádio estivesse no ouvido dos nossos ouvintes, mesmo que recém-chegado mas com uma força enorme.

Obrigado aos empresários do Vale do Taquari, que sempre nos receberam de forma tão especial e confiaram a sua marca ao nosso meio de comunicação com a credibilidade que construímos juntos.

Temos a certeza que desempenhamos um grande papel na história do Vale do Taquari e no estado, especialmente em Lajeado.

Cumprimos nossa missão, desenvolvemos um bom trabalho como soldados da informação que somos, guardamos a partir de agora nossa espada.

Eventuais dúvidas e mais informações favor entrar em contato pelos seguintes meios de comunicação: (51) 3726 6700 ou pelo e-mail: ivone@informativo.com.br.

Texto: Vinicius Mallmann e Ricardo Sander
regional@independente.com.br

1 comentário

  1. Pandemia ou efeito Bolsonaro? Pois o cãmbio é o motivo apontado e o Real se desvalorizou pela desconfiança internacional em relação ao Brasil e seu governo, a pandemia foi no mundo inteiro mas a desvalorização do Real foi a maior entre as moedas!

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui