Após estiagem, chuva permite planejamento da safra para a temporada outono-inverno

Conforme gerente da Emater em Lajeado, até setembro a chuva deve cair próxima da normalidade.


0
Foto: Arquivo / Grupo Independente

No Rádio Repórter desta sexta-feira (22), o gerente regional adjunto da Emater em Lajeado, Carlos Lagemann, falou sobre os impactos da estiagem que atingiu o Rio Grande do Sul de dezembro a abril. Conforme ele, as perdas chegaram aos 45% nas safras de milho, grãos e soja, por exemplo, na região. “O déficit hídrico foi de aproximadamente 400 milímetros, considerando chuvas normais de dezembro até abril”, projeta Lagemann.


ouça a entrevista

 


 

“Os estragos que a estiagem causou foram todos concluídos”, destaca, sobre a volta da chuva e o planejamento para daqui para frente.

A chuva agora permite planejar a safra da temporada outono-inverno. Conforme Lageman, até setembro a chuva deve cair próxima da normalidade. O verão ainda é incerto.

“Agora é olhar para frente, trabalhar no sentido de estruturação para enfrentar momentos como esse”, destaca o gerente da Emater.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui