Após Sputnik V, Rússia desenvolve mais três vacinas para a Covid-19

A intenção do governo russo é lançar já em fevereiro a produção em massa da EpiVacCorona.


0
Foto: Divulgação / Sputnik V

Após o anúncio de eficácia superior a 91% da Sputnik V, a Rússia trabalha para desenvolver três outras vacinas para a Covid-19 nos próximos três meses: uma versão “light” da Sputnik, com uma só dose, a EpiVacCorona e a CoviVac, ambas produzidas em laboratórios estatais. Visando o combate a doença, a intenção do governo russo é lançar já em fevereiro a produção em massa da EpiVacCorona, desenvolvida no laboratório Vektor.

A CoviVac, elaborada pelo instituto Shumakov, ainda precisa ser aprovada pelos órgãos reguladores e não tem previsão de data. Por último, o laboratório AstraZeneca e os inventores da Sputnik V também trabalham para combinar suas respectivas vacinas.

Fonte: O Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui