Arroio do Meio pede apoio do setor da construção civil para auxiliar famílias

Mais de 750 famílias registraram avarias de pequeno, médio e grande prejuízos.


0

Simultâneo às diversas frentes de trabalho que estão sendo realizadas para a recuperação dos estragos pós enchente, Prefeito Klaus Werner Schnack e vice Eluise Hammes estiveram reunidos com representantes da Associação dos Profissionais e Empresas da Construção Civil, Imobiliário e Afins (Apreciam), na manhã dessa terça-feira (14), no Gabinete do Executivo.

O encontro foi mobilizado pelo pedido de apoio da Administração Municipal à Associação, para movimentar o setor da construção civil e obter doações de materiais de construção para oportunizar os reparos às casas atingidas pela histórica cheia da última semana. “Estamos com várias equipes trabalhando no cuidado direto com as pessoas, retorno das famílias alojadas em ginásios e casas de parentes para seus lares, limpeza da cidade, coleta e distribuição de donativos, entre outras ações para reestruturar a normalidade da cidade”, explica Schnack.

“Acreditamos que o apoio da Apreciam é fundamental para auxiliar na obtenção dos materiais através de doações, aquisições de pontas de estoque e materiais mais acessíveis, para que essas famílias mais atingidas também possam reorganizar suas vidas o quanto antes”, afirma o Prefeito. De acordo com o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), mais de 750 famílias registraram avarias de pequeno, médio e grande prejuízos. Destas, 15 são consideradas destruídas.

O Presidente da Apreciam, João Carlos Hilgert, prontamente se colocou à disposição e sinalizou a possibilidade de arrecadar materiais. “Faremos um levantamento com as lojas de materiais e construtoras e divulgação junto à comunidade, para auxiliar e agilizar a obtenção dos itens”, afirmou. Os trabalhos serão coordenados pela equipe da Secretaria de Planejamento, representada no encontro pelo arquiteto Pedro Luiz Silva.

Sobre as doações:

A Administração Municipal agradece o engajamento, espírito de união e solidariedade da comunidade nas doações para as famílias atingidas. De acordo com o Cras, a demanda de roupas, colchões, calçados e cobertores está atendida. A necessidade do momento é a doação de fogões à gás, botijões e mangueira com registro, refrigerador, mesas com cadeiras e camas, para o restabelecimento das famílias. Os donativos podem ser entregues no Salão Paroquial. Mais informações através de 9-9649-6722, com Carlos Henrique Meneghini. AI/RC


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui