As formigas dentro de casa


0
Foto: Divulgação

A maior praga urbana encontrada no mundo é a formiguinha, raros os lares onde não são encontradas. Entre nós quatro são as que mais incomodam. Três delas dentro de casa e que serão tema do programa de hoje. E a outra externa que falaremos outro dia.


ouça

 


A formiga de dentro de casa tem hábitos noturnos e raramente se movem durante o dia. Sua preferência é a cozinha. Mas se deixarem restos de cômoda nos quartos e sala elas apareceram por lá.

Todas têm outras características semelhantes e não são tão inofensivas assim. Podem carregar fungos e bactérias para contaminarem alimentos e utensílios da cozinha com doenças.

Por outro lado fazem uma limpeza comendo ovos e larvas de pulgas, moscas, traças e baratas. Ainda se baratas adultas forem mortas e também aranhas quem somem com elas são as formigas que a devoram.

Formam colônias com várias rainhas por isso a dificuldade de elimina-las é preciso insistir e ter paciência. Sempre sobra alguma rainha para renascer a colônia. Quando encontramos as formiguinhas caminhando elas representam apenas 10% da colônia o restante 90% esta escondida.

Estas formiguinhas da casa recebem nomes populares e científicos:

– Fantasma: “Tapinoma spp” são pequenas entre 1,3 a 1,5 milímetros quase transparentes com cabeça e tórax (bunda) marrom. Habitam vazios em paredes, azulejos, rodapés e tem preferência por doces.

– Louca: “Paratrechina spp” são de 2,2 a 3 milímetros e se for provocadas levantam o abdômen acima da cabeça e andam em semicírculos parecem tontas. Hábito noturno, mas algumas vezes andam de dia, e gostam de pias, banheiros e registros de caixa d’água.

– Carpinteira: “Camponotus spp” (1885 espécies) tem um tamanho maior 0,64 a 2,5 centímetros cor amarelada, hábito noturno e fazem ninhos em madeira, postes, mobílias e telhados. Quase sempre com umidade e início de apodrecimento. Elas não picam e sim esguicham ácido fórmico e o local fica ardido.

Alguns chamam de formiga de telhado, gostam de andar pela quina da parede, se veem de baixo para cima deve ter algum monte de madeira podre. E se for ao contrario vier do telhado abre o olho deve ter infiltração e alguma coisa apodrecendo.

A picada de formiga dói ou arde porque ela prende com as garras e ferroa. Outras seguram com a garra e passam a língua com ácido fórmico deixando o local ardido.

Dicas que ajudam no controle:

– Limpeza rigorosa para não ficar sobra de comida e muito menos o mau hábito de deixar louça suja na pia.

– Fechar buracos no gesso, roda pés, paredes, portas e janelas. Tem um spray de espuma bom para fazer isto. Pode ser usado ainda gesso, rejunte e cimento branco.

– Spray de sabão. Misture 100 ml de sabão liquido e complete uma garrafinha de água mineral com água. Coloque uma bombinha de spray de outro produto. Pode incrementar colocando casquinha de laranja ou limão. Ou ainda gotas de óleo de hortelã. Aplique os cheiros atrapalham a vida das formigas.

Isca 1: Misture duas colheres de açúcar refinado e um quarto de colher de chá de bórax. Pode substituir o açúcar por duas de geleias. Coloque em tampinhas de garrafa.

Isca 2: Dissolva 6 colheres de açúcar com 6 colheres de bórax em água quente e coloque um pouco de mel. Colocar em tampinhas de garrafa. Não deixe as iscas ao alcance de animais domésticos e crianças.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui