AstraZeneca: 3ª dose é eficaz contra nova variante ômicron

O estudo foi organizado de maneira independente por pesquisadores da Universidade de Oxford


0
Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini

Um estudo divulgado nesta quinta-feira (23), pela farmacêutica AstraZeneca mostrou que a dose de reforço da vacina contra a covid-19 aumentou os níveis de anticorpos contra a variante ômicron. “Os níveis de anticorpos que neutralizam a ômicron depois da terceira dose da vacina anticovid da AstraZeneca eram globalmente similares aos níveis alcançados após duas doses contra a variante Delta”, comunicou.

O estudo sobre a terceira dose foi organizado de “maneira independente” por pesquisadores da Universidade de Oxford, instituição com a qual a AstraZeneca desenvolveu a vacina. Os testes clínicos foram realizados em 41 voluntários, e mostraram um crescimento “significativo” na taxa de imunização pelo produto com a chamada dose de reforço aplicada, informou a empresa em nota.

A farmacêutica ainda explicou que está coletando evidência “do mundo real” para avaliar a eficácia da vacina contra a ômicron na região sul da África para avaliar a proteção do imunizante quando aplicada uma terceira dose.

Fonte: Revista Oeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui