Ator Marcelo Serrado expõe doença após morte de Eduardo Galvão

Ator fala do diagnóstico da doença de síndrome do pânico aos 55 anos


0
Foto: Reprodução

Marcelo Serrado está no ar na novela Cara e Coragem da emissora dos Marinhos e conversou com jornal da Globo sobre o diagnóstico de síndrome do pânico.

“Estou medicado até hoje. Eu sentia a mão formigando e o coração disparado. Eduardo Galvão tinha morrido e três dias depois tive isso. Um cara da minha idade, aquilo detonou algo em mim. Sucumbi e falei: ‘Vou morrer’”, detalhou Marcelo Serrado.

Nisso, as redes sociais foram cruciais para sua recuperação. O ator passou a conversar com as pessoas sobre seus problemas. “Comecei a bater papo com centenas de pessoas que passam por isso. Aquilo começou a me curar um pouco. Me senti próximo de pessoas que pensam diferente de mim, mas que vivem a mesma coisa e se identificam”, afirmou.

Fonte: Metrópoles

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui