Biden amplia vantagem e Geórgia deve ter recontagem de votos

Uma recontagem é inevitável em função da escassa margem de vantagem, em torno de 1,5 mil votos.


0
Foto: Kevin Lamarque / Reuters  

Novas parciais da apuração em Nevada e no Arizona divulgadas na tarde desta sexta-feira (6) favoreceram o candidato democrata à presidência dos Estados Unidos Joe Biden, que, na manhã de hoje, ultrapassou o presidente Donald Trump na Pensilvânia e na Geórgia, outros dois estados-chave para a definição da eleição no colégio eleitoral.

Na Geórgia, no entanto, uma recontagem é inevitável, segundo autoridades locais, em função da escassa margem de vantagem, em torno de 1,5 mil votos.

Fonte: CNN

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui