BNDES vai injetar R$ 55 bi na economia para viabilizar atividades de empresas

A medida tem como objetivo reforçar o caixa das empresas e apoiar trabalhadores em meio à pandemia do coronavírus.


0

O Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou, em nota, a injeção de R$ 55 bilhões na economia para reforçar o caixa das empresas e apoiar trabalhadores em meio à pandemia do coronavírus.

O banco determinou a transferência de recursos do Fundo PIS-PASEP para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), no valor de R$ 20 bilhões, a fim de possibilitar o saque extraordinário dos trabalhadores.

A instituição também decidiu pela suspensão temporária do pagamento de parcelas de financiamento diretos para empresas no valor de R$ 19 bilhões, e de R$ 11 bilhões para financiamentos indiretos. O prazo total do crédito será mantido e não haverá a incidência de juros de mora durante o período de suspensão, informou o banco em nota. Fonte: Jornal do Comércio


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui