Bolsonaro diz que vai assinar MP com salário mínimo de R$ 1.100 em 2021

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 8h.


0
Foto: Reprodução / ACidade ON

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta quarta-feira (30) em uma rede social que o salário mínimo de 2021 será de R$ 1.100. O valor atual é de R$ 1.045, e o novo valor vale a partir de 1º janeiro. O valor anunciado está acima dos R$ 1.088 previstos pelo governo na proposta de alteração da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), enviada em 15 de dezembro ao Congresso Nacional. Fonte: G1

Brasil registra o maior número de mortes por Covid-19 em apenas um dia desde 20 de agosto

O Brasil registrou o maior número de mortes por Covid-19 em apenas um dia desde 20 de agosto. Nas últimas 24 horas, foram 1.224 novos óbitos, chegando ao total de 193.940. Oito estados apresentaram alta na média móvel: MS, MT, AC, AM, PA, RO, AL e SE. Já o número de brasileiros que têm ou já tiveram o novo coronavírus subiu para 7.619.970, com 55.853 casos confirmados até as 20h de ontem. A média móvel nos últimos 7 dias é de 36.185 novos diagnósticos por dia. Fonte: G1

FGTS emergencial: prazo para solicitar o saque termina nesta quinta, 31

O prazo para solicitar o saque emergencial de até R$ 1.045 do FGTS acaba hoje. Cerca de R$ 7,9 bilhões creditados em poupança digital não foram movimentados e, em razão disso, retornaram para as contas vinculadas dos trabalhadores, devidamente corrigidos. Esses trabalhadores, porém, ainda podem pedir o crédito até esta quinta-feira. O prazo também vale para quem informou à Caixa que não desejava retirar os recursos, mas mudou de ideia. A solicitação deve ser feita pelo aplicativo FGTS. O saldo será transferido novamente para a conta digital aberta pela Caixa e ficará disponível para movimentação pelo aplicativo Caixa Tem. Fonte: G1

Merkel deixará comando da Alemanha após eleição de 2021; entenda quem pode ser o novo líder

Angela Merkel deixará a liderança da Alemanha em 2021, depois de quatro mandatos consecutivos. Ela está no poder desde 2005. A chanceler tinha uma estratégia para emplacar uma sucessora, mas o plano não deu certo: a escolhida, Annegret Kramp-Karrenbauer, desistiu em fevereiro de 2020. O partido delas, a União Democrata Cristã (CDU) havia decidido eleger um líder ainda em 2020 para concorrer em 2021. Também não deu certo: por causa da pandemia, as eleições internas precisaram ser adiadas sucessivas vezes. Agora, as prévias vão acontecer no dia 16 de janeiro. Cerca de mil dirigentes do partido vão escolher o líder da CDU, que, automaticamente, será o favorito nas eleições gerais, programadas para o dia 26 de setembro. Há três políticos com mais chances: Friedrich Merz, deputado conservador. Armin Laschet, primeiro-ministro da região do Norte do Reno-Westphalia. Norbert Röttgen, deputado que já foi ministro do Meio Ambiente. Fonte: G1

Em ano de pandemia, HBB registrou cerca de 4,5 mil atendimentos ligados à Covid-19

Nos últimos anos, sempre que chega dezembro o Hospital Bruno Born (HBB), de Lajeado, faz um levantamento de seus principais dados e mostra, à comunidade, o resultado de seus esforços durante o período de um ano – 365 dias trabalhados de forma ininterrupta, sete dias por semana, 24 horas por dia. Foram cerca de 4,5 mil atendimentos ligados à Covid-19 e um total de 8.549 internações por infecções do vírus e outras complicações. Confira todos os números em independente.com. CS

Prefeitura de Encantado adquire equipamento para auxiliar na recuperação da Covid-19

A Administração Municipal de Encantado fez a entrega desta quarta-feira (30) ao Hospital Beneficente Santa Terezinha (HBST) de dois equipamentos de extrema importância para a recuperação de pacientes com Covid-19. São dois aparelhos de auto-fluxo, os quais evitam a entubação dos pacientes, procedimento este que auxilia na melhora do pulmão com mais eficácia. Os equipamentos foram adquiridos com recursos próprios do município. CS

Funcionário de centro médico nos EUA é demitido após deixar vacinas contra Covid-19 intencionalmente fora de refrigeração

Um funcionário não identificado do Aurora Medical Center, no estado americano do Wisconsin, foi demitido após deixar 57 frascos da vacina da Moderna contra a Covid-19 “intencionalmente” fora da refrigeração, afirmou a instituição nesta quarta-feira (30). No sábado (26), mais de 500 doses da vacina tiveram de ser descartadas por ficarem fora da refrigeração.De acordo com a emissora local WISN 12, a organização Advocate Aurora Health disse que o indivíduo admitiu ter retirado os frascos intencionalmente. A polícia de Grafton, cidade onde está localizado o centro médico, disse que o FBI e a FDA (agência reguladora dos EUA) estão ajudando nas investigações, segundo informações da rede de TV local FOX6 News Milwaukee. Fonte: G1

Produção e apresentação: Júlio César lenhard
Próxima edição: hoje, ao meio-dia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui