Brasil vence Canadá e embala na Liga das Nações

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 18h


0

A seleção brasileira masculina de vôlei praticamente garantiu uma vaga nas quartas de final da Ligas das Nações. Com uma vitória por 3 sets a 0 sobre o Canadá, na manhã desta quinta-feira (7), o Brasil chegou à quinta colocação, com 21 pontos conquistados, sete vitórias e três derrotas. A terceira semana da competição está sendo disputada em Osaka (Japão), e os oito primeiros colocados passam para a próxima fase, que será realizada em Bolonha (Itália) entre 20 e 24 de julho. Empolgada após vencer a Alemanha por 3 a 1, a seleção brasileira passou pelos canadenses sem muita dificuldade. Com parciais de 25/18, 25/19 e 26/16, o time do técnico Renan Dal Zotto precisou de apenas 1h27min para fechar o jogo. Leal foi o maior pontuador da partida, com 15 pontos, sendo 13 de ataque, um de bloqueio e um de saque. O Brasil encerra a participação nesta fase da Liga das Nações no próximo domingo (10), a partir das 7h10, contra o Japão. Fonte: Agência Brasil

Saques da poupança superaram depósitos em R$ 50,5 bilhões no 1º semestre

O Banco Central informou nesta quinta-feira (7) que os saques na caderneta de poupança superaram os depósitos em R$ 50,5 bilhões no primeiro semestre de 2022. Ao todo, segundo a instituição os saques somaram R$ 1,808 trilhão nos seis primeiros meses do ano; e os depósitos, R$ 1,758 trilhão. A saída líquida de recursos no primeiro semestre de 2022 representa a maior da série histórica. Ela supera as registradas no mesmo período de 2016 e 2015, quando, respectivamente, os saques superaram os depósitos em R$ 42,6 bilhões e R$ 38,5 bilhões. A série histórica do Banco Central tem início em 1995. Os valores são nominais, ou seja, sem atualização pela inflação. Fonte: G1

Conab estima que produção de grãos chegue a 272,5 milhões de toneladas

A produção de grãos, prevista para a segunda safra, está estimada em 272,5 milhões de toneladas no ciclo 2021-2022. É o que indica o 10º Levantamento da Safra, divulgado hoje (7) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). De acordo com a entidade, esse volume, se confirmado, representará aumento de 6,7% na comparação com a temporada anterior, o que equivale a acréscimo próximo de 17 milhões de toneladas. No que se refere ao total de área utilizada para a produção, o aumento será de 4 milhões de hectares, chegando a 73,8 milhões. Fonte: Agência Brasil

RS registra mais 18 mortes por Covid; média móvel de casos volta a ficar abaixo de 3 mil

O Rio Grande do Sul notificou, nesta quinta-feira (7), mais 18 mortes e 2.304 casos de Covid-19. Com os registros, o estado chega a 40.149 óbitos pela doença e 2.567.911 infecções em toda a pandemia. A taxa de mortalidade foi atualizada para 352,9 mortes a cada 100 mil habitantes. Entre os pouco mais de 2,5 milhões de casos de coronavírus no estado, 1,6% dos infectados morreu por conta da doença. A Secretaria Estadual da Saúde (SES) afirma que, do total de pessoas contaminadas, 23.490 (0,9%) estão em recuperação e 2.504.118 (97,5%) já estão recuperadas. A média móvel de mortes da última semana foi de 17 óbitos diários. O indicador caiu 11% em relação à média de duas semanas atrás (19 mortes). Como a queda foi inferior a 15%, a tendência é de estabilidade nos óbitos. Fonte: G1

Postos devem mostrar preço do combustível antes da redução do ICMS

O Diário Oficial da União desta quinta-feira (7) traz o decreto do presidente Jair Bolsonaro que obriga os postos a exibirem os preços dos combustíveis praticados no dia 22 de junho de 2022. A data é anterior à sanção do projeto que estabeleceu o teto para as alíquotas do ICMS, em 24 de junho. Essa informação deve ser feita de forma transparente para que o consumidor possa fazer a comparação no momento da compra. Segundo o decreto, ela deve ser “correta, clara, precisa, ostensiva e legível”. A medida começa a vigorar nesta quinta (7) e vai até 31 de dezembro, mesmo prazo estabelecido para o teto do ICMS. O decreto não prevê nenhuma punição. Ao menos 23 estados reduziram a alíquota de ICMS, entre eles, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná, Ceará e o Distrito Federal. Fonte: Agência Brasil

Novas leis de incentivo à cultura devem injetar R$ 19 bilhões no setor

As novas leis de incentivo à cultura devem injetar quase R$ 19 bilhões no setor nos próximos cinco anos. Ativistas da cultura esperam que os recursos ajudem a fortalecer os trabalhadores do setor após dois anos de pandemia. O dinheiro foi autorizado depois que o Congresso Nacional derrubou os vetos do presidente Jair Bolsonaro aos projetos Aldir Blanc 2 e Paulo Gustavo. A Lei Aldir Blanc 2 prevê o repasse, aos estados e municípios, de R$ 3 bilhões de reais, ao ano, pelos próximos 5 anos. A legislação deve beneficiar trabalhadores e entidades que atuam em 17 grupos de atividades culturais. O Congresso Nacional ainda derrubou o veto integral ao projeto de lei Paulo Gustavo, que recebeu o nome do ator que faleceu por complicações da covid-19. Nesse caso, são destinados, em regime emergencial, quase R$ 4 bilhões para compensar os efeitos da pandemia, em especial, no setor audiovisual, que deve receber cerca de 70% dos recursos disponíveis. Fonte: Agência Brasil

Nadal desiste de semifinal de Wimbledon por causa de lesão

As esperanças de Rafael Nadal de conquistar os quatros torneios de Grand Slam em uma mesma temporada terminaram nesta quinta-feira (7), quando o espanhol foi forçado a desistir de seu esperado confronto com o australiano Nick Kyrgios pela semifinal de Wimbledon por causa de uma distensão abdominal. “Tenho que desistir do torneio porque tenho sofrido com dores no abdômen”, disse o tenista de 36 anos, detentor de um recorde masculino de 22 títulos de torneios de Grand Slam. Nadal estava em busca de conquistar os quatros torneios de Grand Slam na mesma temporada após ganhar os títulos do Aberto da Austrália e de Roland Garros este ano. Fonte: Agência Brasil

Produção e apresentação: Rita de Cássia


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui