Cabeleireiro lajeadense diz não sofrer preconceito pela escolha da sua carreira ou orientação sexual

O lajeadense Nilo Scheid falou da sua história profissional como colunista social, da sua carreira como cabeleireiro e da sua história de vida. 


0
Foto: Reprodução / Facebook

No quadro Sem Preconceito desta sexta-feira (12), recebemos o cabeleireiro especializado em salão de beleza e estética; e colunista social, Nilo Scheid. O lajeadense falou da sua história profissional como colunista social no jornal O Informativo (30 anos), da sua carreira como cabeleireiro (30 anos) e da sua história de vida.

Nilo diz não ter sofrido preconceito pela escolha da sua carreira ou orientação sexual. “Acho que não convivo com pessoas que tenham preconceito”, comenta.

Ele lembra da época em que o Supremo Tribunal Federal (STF) liberou a união estável entre pessoas do mesmo sexo. “Eu logo queria incluir o meu companheiro no plano de saúde. Fizemos a união estável, e nós fomos o primeiro casal homossexual, aqui em Lajeado, a termos um plano de saúde conjunto.”

Há 21 anos, o cabeleireiro abriu o Salão de Beleza Nilo Beauty.


ouça o bate-papo


Leia também: 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui