Câmara envia requerimento sobre falta de remédios básicos nos postos de saúde de Lajeado

Um dos projetos aprovados foi o que autoriza a abertura de uma vaga para enfermeiro e outra para técnico em enfermagem


0
Foto: Caroline Silva

A Câmara de Vereadores de Lajeado tinha cinco projetos de lei na ordem do dia da sessão desta terça-feira (28). Destes, três receberam pedido de vistas dos vereadores Marquinhos Scheffer (MDB) e dos suplentes Sérgio Rambo (PT) e Antônio de Oliveira (MDB). Um projeto de lei foi colocado em votação por acordo de liderança a pedido do vereador Scheffer.

Um dos requerimentos aprovados é de autoria de Scheffer, que questiona a prefeitura sobre a falta de medicamentos básicos, como Amoxicilina, Azitromicina, Paracetamol e outros nos postos de saúde do município.

Rambo, que está no lugar do titular Sérgio Kniphoff (PT), comentou sobre o projeto do Executivo que pretende isentar alguns clubes sociais do IPTU, e também falou sobre a emenda do líder de governo, Mozart Lopes (PP), que quer isentar todas as entidades, inclusive as maiores. “Lajeado é a única cidade que cobra IPTU dos clubes. Não vai haver renúncia de receita porque nunca existiu receita. Inter e Grêmio não pagam IPTU, por exemplo. Não podemos nos esquecer dos clubes que têm dinheiro a receber da prefeitura. Tem clubes que têm mais de 10 anos de dinheiro a receber da prefeitura”, explana.

Sérgio Rambo (PT) (Foto: Caroline Silva)

Enquanto isso, Heitor Hoppe (PP) elogiou a conclusão das obras do viaduto no Bairro Montanha. “Eu fui um dos grandes críticos com o viaduto do Montanha, porque demorou muito, mas foi entregue a obra e ficou muito boa. Apesar da demora ficou muito boa”, destaca.

Heitor Hoppe (PP) (Foto: Caroline Silva)

Na mesma linha foi Isidoro Fornari Neto (PP). O progressista elogiou a obra e informou que a prefeitura pretende criar uma rotatória junto à rodoviária. “Estamos trabalhando com a possibilidade de criar uma rotatória nas imediações das câmeras mortuárias junto à rodoviária, e tirar aquela sinaleira que trava a circulação dos veículos”, conta.

Isidoro Fornari Neto (PP) Foto: Caroline Silva

Já Lorival Silveira (PP) falou sobre a falta de médicos no posto do Bairro Morro 25. Conforme o vereador, é recorrente a falta de profissionais nesta mesma UBS. “É inadmissível que a gente ainda discuta a falta de médicos no posto do Bairro do Morro 25. O primeiro bairro que sempre é prejudicado na saúde é o do Morro 25. Eu fico imaginando que em certos bairros isso não acontece. Só ocorre nos bairros mais carentes”, pontua.

Lorival Silveira (PP) (Foto: Caroline Silva)

Projetos aprovados:

PL Nº 074- Cria uma vaga para o cargo de enfermeiro e uma vaga para o cargo de técnico de enfermagem;

PL Nº 064- Crédito Especial de R$ 7,5 mil que servirá para custear despesas com o transporte de usuários dos CRAS (Centro e Santo André) e de alunos, que estarão assistindo, no Teatro da Univates, ao espetáculo Pipo e Fifi, que aborda
temas como prevenção e combate ao abuso sexual de crianças e adolescentes;

PL Nº 070 – Autoriza o Poder Executivo a abrir crédito suplementar para a Secretaria Municipal da Segurança Pública (SESP), no valor de R$ 133,9 mil.

Texto: Caroline Silva

jornalismo@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui