Caso de paciente que ficou três dias na UPA de Lajeado sem alimentação é citado na Câmara de Vereadores

Segundo Jones Barbosa - Vava (MDB), há um descaso com as pessoas que vão até o local


2
Vereador Jones Barbosa - Vava (MDB) (Foto: Gabriela Hautrive)

O vereador Jones Barbosa – Vava (MDB), voltou a criticar a Unidade de Pronto Atendimento – UPA, de Lajeado, em sessão da Câmara de Vereadores na noite desta terça-feira (10). Conforme o parlamentar, há um descaso com as pessoas que vão até o local, e por conta de falta de estrutura e lotação dos hospitais, precisam aguardar sua internação sem o mínimo de condições, tanto no que se refere a alimentação, como também higiene pessoal.


OUÇA A REPORTAGEM 


Vava citou dois casos, em um deles, o paciente ficou três dias sem comer e pediu ajuda através das redes sociais. No outro, o usuário da UPA permaneceu por cinco dias no local, tomando banho apenas “com papel e lenços”.

Segundo o vereador, ele já teve uma reunião com a direção da UPA, e que a Secretaria de Saúde de Lajeado tem conhecimento da situação. Ele acredita que tudo é uma consequência pela demora de atendimentos e falta de médicos nos Postos de Saúde do município. Ainda citou questões da falta de assistência também por parte de outros orgãos, como Cras e Assistência Social.

Texto: Gabriela Hautrive
reportagem@independente.com.br

2 Comentários

  1. Sim, lá não é hospital.
    A família cadê!?
    Querem que a gente pague o almoço tbm? O poder público banca tudo? Errado? onde vai parar?
    Devemos montar uma cozinha na UPA? Aí vem a saúde e exige mil coisas…
    RIDÍCULO.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui