Centenas de surfistas aproveitam reabertura de praia na Austrália

A reabertura de praias ocorre em meio à flexibilização das restrições em vários estados australianos, estimulados pelo menor aumento de novos casos de Covid-19 no país.


0
Surfistas em praia de Sidney, na Austrália, no dia 28 de abril de 2020 (Foto: Peter Parks / AFP)

Centenas de surfistas lotaram a praia Bondi Beach em Sydney, nesta terça-feira (28), depois que a Austrália começou a suavizar as restrições impostas para conter a propagação do novo coronavírus.

Com as pranchas debaixo do braço, dezenas de surfistas pularam na água antes mesmo da abertura oficial da praia, às 7h locais (18h de segunda no horário de Brasília), cinco semanas depois de as autoridades terem fechado o acesso.

Outros, mais disciplinados, esperaram pacientemente e aplaudiram os funcionários municipais que abriram as barreiras de acesso à água. Muitos mergulharam no mar. Ninguém ficou na areia.

No momento, continua sendo proibido entrar na área para tomar banho de sol, ou praticar esportes, de acordo com as medidas de distanciamento social e a proibição de aglomerações.

Faixas, nas quais se lê “surf and go” (“surfe e vá embora”, em tradução livre), convidam os visitantes a deixarem a praia logo depois de entrarem nas ondas.

A reabertura de Bondi e de outras praias próximas ocorre em meio à flexibilização das restrições em vários estados australianos, estimulados pelo menor aumento de novos casos de Covid-19 no país.

Nova Gales do Sul, o estado mais populoso da Austrália, anunciou que seguirá algumas iniciativas tomadas por outras áreas. Uma delas é que, a partir de sexta-feira, seus habitantes poderão receber dois visitantes por casa.

A primeira-ministra deste estado, Gladys Berejiklian, pediu, porém, que as pessoas sejam responsáveis e não corram riscos.

“Não queremos ver os números subirem”, advertiu.

Berejiklian também lembrou que a retomada de certas atividades, como a escola, pode levar a uma aceleração dos contágios, situação para a qual o sistema de saúde não está preparado.

Em Bondi Beach, os surfistas aproveitavam as ondas, mas mantinham a distância social uns dos outros.

“Estava esperando esse momento por uma semana. Disse a mim mesmo: às 7h30 da manhã, (estarei) aqui. É realmente emocionante”, disse Diane Delaurens à AFP, depois de sair da água.

Com a prancha debaixo do braço ao lado do filho, John Minto estava feliz com voltar ao mar.

“O surfe não está incrível, mas não podemos reclamar hoje”, disse ele.

A Austrália registrou cerca de 6.700 casos de COVID-19, incluindo 84 óbitos, em uma população de cerca de 25 milhões de pessoas.

O número de novos casos diminuiu um pouco desde a semana passada.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui