Centro Terapêutico São Francisco, de Lajeado, recebe certificação nacional

A casa completou 25 anos de atuação e acolhe homens acima de 18 anos que tenham problemas de alcoolismo ou outras drogas.


0
A casa está localizada no Bairro Imigrante, em Lajeado (Foto: Gabriela Hautrive)

Todo o empenho e profissionalismo do Centro Terapêutico São Francisco, de Lajeado, foi certificado com a filiação na Federação Brasileira Comunidades Terapêuticas (Febract) no mês de novembro. Conforme a assistente social e responsável técnica pela instituição, Viviana da Silva, com o reconhecimento, o Centro passa a ter mais orientação, capacitação e fortalecimento. O projeto para a filiação começou em junho deste ano. “Nossa certificação foi concluída agora no mês de novembro, que é muito importante para nosso Centro Terapêutico, pois completamos 25 anos de casa”.


ouça a reportagem

 


Foto: Reprodução

O processo, até receber o certificado, foi trabalhoso e passou por várias etapas, segundo Viviana. “A primeira etapa foi toda a documentação da instituição que nós encaminhamos e depois toda documentação da equipe técnica. Na terceira etapa foi enviado o projeto terapêutico, cronograma de atividades e estrutura física.”

Ainda teve uma quarta etapa, em que toda a equipe passou por uma capacitação de quatro horas com 160 questões para responder, entre elas casos para resolver e também alguns acolhidos que foram chamados para uma entrevista.

A assistente social relata que a certificação chegou como uma surpresa. “Foi tudo enviado online, então não sabíamos se de fato teríamos ainda esse ano. Isso é o mérito de uma instituição ética, responsável e comprometida”, destaca. A casa acolhe homens acima de 18 anos que tenham problemas de alcoolismo ou outras drogas. “O acolhimento é feito de forma voluntária e desintoxicada, sendo o período de permanência de quatro a seis meses.”

Assistente social e responsável técnica pela instituição, Viviana da Silva (Foto: Gabriela Hautrive)

Atualmente o centro conta com 15 pessoas, mas sua capacidade máxima é de 24. Os abrigados no local possuem uma rotina com inúmeras programações, com hora para dormir, fazer refeições e demais tarefas.

Também possuem momentos de lazer, praticam atividades físicas e podem receber visitas aos sábados, mas neste ano em um formato um pouco reduzido por conta da pandemia.

Quem deseja entrar em contato com o Centro pode acessar a página no Facebook do Centro Terapêutico São Francisco. Também é possível fazer contato pelo número: (51) 9-9597-5713.

Veja como é a entrada do Centro Terapêutico, rodeado de árvores

 

Texto e vídeo: Gabriela Hautrive
reportagem@independente.com.br

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui