Cercado por escândalos, Boris Johnson renunciará ao cargo de primeiro-ministro do Reino Unido

O governo passou por diversos escândalos que contribuíram para que vários políticos protestassem contra a sua legitimidade


0
Foto: Reprodução

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, renunciou ao cargo de líder do Partido Conservador nesta quinta-feira (7) após grande pressão para tomar a decisão e da renúncia de 59 membros de seu governo desde a última terça-feira (5). A rede britânica BBC já havia informado que Johnson renunciaria como líder conservador nesta quinta-feira, o que significa que também deixaria o posto de chefe de Governo. E Downing Street ainda anunciou que ele fará um discurso aos britânicos durante o dia.

O governo do primeiro-ministro passou por diversos escândalos que contribuíram para que vários políticos protestassem contra a sua legitimidade. Os escândalos incluem o funcionário conservador Chris Pincher, que ocupava um importante cargo parlamentar, e na semana passada se demitiu após ser acusado de apalpar, embriagado, dois homens.

O governo reconheceu na terça-feira que o primeiro-ministro havia sido informado de alegações anteriores contra Pincher em 2019, mas as “esqueceu”.

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui