Chile decreta estado de  exceção em três cidades após morte de caminhoneiro

Na semana passada, um caminhoneiro de 25 anos morreu após um confronto com migrantes venezuelanos


0

Um estado de estado de exceção começou a vigorar em algumas regiões do norte do Chile nesta segunda-feira (14), para que as Forças Armadas possam colaborar com a polícia para supervisionar e vigiar as rodovias em áreas onde há muito fluxo imigratório.

Na semana passada, um caminhoneiro de 25 anos morreu após um confronto com migrantes venezuelanos em Antofagasta, a 1.400 km ao norte de Santiago.

Os caminhoneiros fizeram bloqueios rodoviários que só foram suspensos no sábado (12), depois que o governo decretou estado de exceção no norte do país, o epicentro de uma crise migratória.

O ministro do Interior, Rodrigo Delgado, anunciou a medida após se reunir com o sindicato dos caminhoneiros. O estado de exceção vigora nas cidades de Arica, Parinacota e Tamarugal e El Loa.

Fonte: G1


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui