Chocolates Kinder sofrem ‘recall’ na Europa após casos de salmonela

Produtos fabricados pela Ferrero na Bélgica serão recolhidos


0
Chocolate Kinder (Foto: Reprodução/Twitter/Kinder)

Dezenas de casos de contaminação com a bactéria salmonela foram detectados na Europa. As suspeitas do foco de contaminação convergem para os produtos de chocolate Kinder fabricados na Bélgica, o que levou à sua retirada dos mercados por parte do fabricante Ferrero.

Foi solicitada a devolução dos produtos Kinder produzidos nas fábricas de Arlon, na Bélgica, os quais eram comercializados na França, na Bélgica, no Reino Unido, na Irlanda do Norte, na Alemanha e na Suécia, anunciou a marca Ferrero nesta terça-feira (5).

No Reino Unido, foram registrados 63 casos de contaminação por salmonela, disse à AFP uma porta-voz das autoridades sanitárias britânicas.

Segundo a Food Standards Agency (FSA) da Grã-Bretanha, o recall afeta os ovos Kinder Surprise simples e múltiplos, doce popular comercializado para crianças que contém pequenos brinquedos colecionáveis ​​dentro de uma casquinha de chocolate. A agênci britânica aconselhou os clientes a não comerem produtos Kinder Surprise com datas de validade entre 11 de julho e 7 de outubro.

Na França, 21 pacientes foram informados pelo Centro Nacional de Referência de Salmonela do Instituto Pasteur e, deste, 15 relataram terem consumido os produtos Kinder em questão, segundo o órgão nacional responsável pela saúde pública. A idade média dos casos é de 4 anos.

As intoxicações alimentares causadas por salmonela causam transtornos gastrointestinais, com frequência acompanhados de febre nas 48 horas seguintes ao consumo.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui