Com vitória, Grêmio dá primeiro passo para escapar de situação alarmante

Estudo indica que o tricolor possui dois terços de chances de cair para a Série B do Brasileirão.


0
Um terceiro rebaixamento para a série B seria demais para a torcida tricolor. (Fonte Wikimedia)

Vencer a Chapecoense na segunda-feira (10) era uma tarefa vista como a mais indispensável para que o Grêmio tivesse alguma chance de evitar o rebaixamento na temporada atual do Campeonato Brasileiro. O time do técnico Luiz Felipe Scolari fez o dever de casa, mas não foi assim tão fácil.

Assim, o Grêmio teve a sua primeira vitória na Arena nesta edição do Brasileirão, vencendo o único time que está abaixo dele na tabela do campeonato. Os próximos dois jogos também serão contra adversários diretos na tabela e, portanto, decisivos. Receba seu código promocional 1xbet para dar seus palpites sobre esses e os demais confrontos do Brasileirão.

A situação do Grêmio ainda é alarmante

Com a vitória sobre a Chapecoense, o aproveitamento do clube gaúcho subiu para 25,6% e a diferença para o São Paulo, que ocupa a primeira posição acima da zona de rebaixamento, caiu para cinco pontos – o que, no cenário mais otimista para os tricolores, pode ser revertido nas próximas duas rodadas.

Na próxima rodada, o Grêmio enfrenta exatamente o São Paulo no Morumbi, no sábado (14). O jogo seguinte é contra o Cuiabá, na Arena Pantanal, válido pela quinta rodada – o jogo havia sido adiado por causa da Copa América. Os tricolores ainda tem a sorte de que, na próxima rodada, o Cuiabá e a Chapecoense se enfrentam.

De qualquer forma, um estudo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) indica que o Grêmio possui 66,2% de chances de ser rebaixado – ou, dito de outra maneira, a possibilidade de que o Grêmio caia é o dobro da possibilidade de que ele permaneça na primeira divisão.

Mesmo assim, é importante lembrar que 66,2% é uma situação longe de ser definitiva. Um comando de qualidade, com bons diagnósticos e ações corretas para resolver as deficiências da equipe ainda podem salvar o tricolor de cair para a Série B pela terceira vez em sua história.

A primeira vitória anima

A vitória por 2 a 1 sobre a Chapecoense, de virada, marcou o sucesso de uma novidade na equipe do Grêmio. Aliás, novidades têm sido raras na campanha penosa que o tricolor protagoniza nesta edição do Brasileirão. Trata-se do centroavante colombiano Miguel Borja, que fez sua estreia pelo Grêmio.

Borja foi responsável pelo gol de virada, de pênalti. A expectativa é que o jogador se torne uma estrela na equipe de Felipão e tenha um papel fundamental no esforço para salvar o time do rebaixamento. Alisson, outro destaque da partida, marcou o primeiro gol contra a Chapecoense.

Antes da chegada de Borja, o noticiário gremista estava marcado pelas saídas, e não pelas chegadas. O meia Pinares foi para o Altay S.K., da Turquia. O goleiro Paulo Victor, para o Marítimo, de Portugal. O atacante Léo Chú, para o Seattle Sunders, dos EUA. Já Guilherme Azevedo foi emprestado ao Coritiba. Matheus Henrique e Ruan vão para o Sassuolo, mas, no caso de Ruan, apenas no final do ano.

Além dessas negociações, há uma série de negociações em andamento sobre outros membros do elenco tricolor. A ideia é focar na equipe principal e reduzir a quantidade de jogadores.

Sobre o assunto, Felipão afirmou, na semana passada: “Trabalhar entre todos para canalizar os esforços para sair dessa situação. Quando chegar na minha mão, vou decidir pelo Grêmio. Gosto do Grêmio, sou treinador e tenho o clube no coração”.

O técnico pretende investir nos atletas mais experientes para melhorar o desempenho do Grêmio. Alguns atletas mais jovens foram recolocados nos times mais jovens do clube. Para aumentar ainda mais as chances de reversão da má situação gremista na tabela do Brasileiro, o clube também está tentando contratar o meia-atacante Jaminton Campaz, do Tolima, da Colômbia. A jovem promessa que já defendeu a seleção colombiana na última Copa América também sofre o assédio do Flamengo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui