Começa o julgamento de Alec Baldwin por morte de diretora no set do filme ‘Rust’

Ator pode pegar 18 anos de prisão por atirar em Halyna Hutchins durante o ensaio de uma cena


0
Além Baldwin depois do episódio resultou na morte de diretora no set de filmagem (Foto: Reprodução)

O ator Alec Baldwin compareceu ao tribunal do Novo México, nos Estados Unidos, nesta terça-feira (9), onde é réu em um julgamento por homicídio culposo.

Baldwin, de 66 anos, está sendo acusado devido ao incidente ocorrido em outubro de 2021, quando a diretora de fotografia do filme “Rust”, Halyna Hutchins, morreu após ser atingida por uma arma disparada pelo ator, durante o ensaio de uma cena. Ele afirma que não sabia que o revólver estava carregado. Se condenado, pode enfrentar até 18 meses de prisão.

O processo judicial tem sido longo e complicado. Inicialmente, as acusações contra Baldwin foram retiradas, mas a promotoria as reintroduziu meses depois. As tentativas dos advogados do ator de evitar o julgamento não tiveram sucesso.

A seleção do júri começou na manhã desta terça-feira. Dado o alto perfil do caso, poucos jurados pré-selecionados afirmaram não ter ouvido nada sobre o incidente no set de “Rust”. Os argumentos de abertura estão previstos para esta quarta-feira (10). O julgamento deve durar cerca de dez dias.

A morte de Hutchins ocorreu em uma tarde ensolarada em uma pequena capela que faz parte do Rancho Bonanza Creek, a cerca de 30 quilômetros de Santa Fé. Baldwin ensaiava uma cena na qual seu personagem, um foragido encurralado em uma igreja, saca seu revólver.

O ator afirma que lhe disseram que a arma estava “fria”, o que na gíria do cinema significa sem munição e segura para uso. Balas reais são proibidas em sets, e Baldwin argumenta que não é sua responsabilidade, como ator, verificar se a regra foi respeitada.

Alec Baldwin possui uma longa lista de filmes, séries e programas de televisão no currículo, incluindo até passagens por palcos da Broadway. Ele é o mais velho dos quatro irmãos de uma família de atores de Hollywood. Já foi indicado ao Oscar de melhor ator coadjuvante e levou Golden Globes e Emmys para casa.

Dentre seus trabalhos estão o filme “Missão Impossível 6”, em 2018, “Para Roma, com Amor”, em 2012, e “Amigos, Amigos, Mulheres à Parte”, de 2008. Entre 2016 e 2020, fez uma paródia de Donald Trump no programa “Saturday Night Live” e ganhou dois prêmios pela interpretação.

Baldwin tem sete filhos e já foi casado com a atriz Kim Basinger. Desde 2012, sua mulher é Hilaria Baldwin.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui