Comitiva de Lajeado deve entregar demandas do DML à chefe diretora do IGP

Segundo Rodrigo Conte (PSB), a principal reivindicação é desvincular Lajeado da coordenação metropolitana


0
Vereador Rodrigo Conte (Foto: Jonas de Siqueira)

A precariedade da estrutura do posto de Departamento Médico-Legal (DML) de Lajeado será discutida em uma reunião, prevista para a próxima quarta-feira (17), com a direção do Instituto Geral de Perícias (IGP). Em entrevista do programa Troca de Ideias desta segunda-feira (15), o vereador Rodrigo Conte (PSB) afirmou que os vereadores estão mobilizando uma comitiva para apresentar as demandas à chefe diretora do IGP.

Segundo Conte, para agilizar o serviço de necropsia a principal reivindicação é desvincular Lajeado da coordenação metropolitana, migrando para a cidade de Santa Cruz. “Por ser mais próximo fica muito mais fácil de resolver”, nota.

“Imagina em um momento de dor ficar esperando 24 horas ou mais para fazer velório”, indaga. “Já é um momento difícil e tudo isso acaba atrapalhando”, conclui.
Conte observa que, além da falta de ferramentas básicas de trabalho, atualmente, o departamento tem somente um médico legista para atender a demanda da região. “Isso acaba atrapalhando ainda mais”, diz.

O Posto do DML em Lajeado, localizado na Travessa da Paz, no Bairro Florestal, foi alvo de furtos. Por falta de equipamento e de segurança, as atividades de necropsias chegaram a ser suspensas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui