Condutor de Camaro é acusado de se apropriar indevidamente de celular e atropelar pedestre em Lajeado

Na fuga o suspeito atropelou a amiga da dona do celular, de 23 anos


0

Um caso de lesão corporal e apropriação indébita devem ser investigados pela Polícia Civil. O policiamento foi acionado pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) tendo em vista uma vítima estar em atendimento no local.

A guarnição fez contato com uma jovem de 24 anos a qual relatou que ao sair de uma casa de festas, às margens da BR-386, foi abordada por um homem que lhe pediu o celular emprestado. Ela emprestou o aparelho para o sujeito que na sequência teria fugido a bordo de um automóvel Camaro de cor cinza, sem devolvê-lo. Na fuga o suspeito atropelou a amiga da dona do celular, de 23 anos, que estava em atendimento na Unidade.

Durante diligências o policiamento localizou o carro, placa de Pelotas, no município de Estrela, onde ocorreu a abordagem. Por foto, a vítima reconheceu o motorista com o autor da apropriação indébita. Contudo, o aparelho não foi encontrado com o suspeito.

O homem, que foi conduzido à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), nega os fatos. Como nada de ilícito foi encontrado, o cidadão de 32 anos foi liberado. O caso passa a ser investigado pela polícia. MS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui