Construção da rótula que substituirá semáforos na ERS-130 em Lajeado deve começar na próxima segunda-feira, afirma EGR

Medida visa melhorar a mobilidade no trecho, em frente ao Posto do Arco


0
Foto: Luís Fernando Wagner

A Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) deve dar início na próxima segunda-feira (21) às obras de construção de uma rótula na ERS-130, em frente ao Posto do Arco, em Lajeado. O dispositivo substituirá os semáforos, que serão totalmente retirados.

Conforme o presidente da estatal, Marcelo Gazen, a medida atende a uma reivindicação da comunidade local. “A iniciativa vem exatamente de uma demanda antiga da sociedade de Lajeado, com relação à mobilidade que poderia trazer esta rótula. Nós viemos identificando a possibilidade de construí-la e agora vamos iniciar a execução. Nós vamos fazer uma alteração na configuração da intersecção hoje existente. Vamos tornar a rótula cheia, ou seja, o meio ficará fechado. Além disso, faremos todo um processo de ampliação do meio fio, alteração da pista lateral, com sinalização totalmente nova, cujo objetivo final, sem dúvida, é conseguir aumentar a mobilidade da rodovia, dispensando os semáforos, que acabam até atrapalhando a circulação de veículos. É uma obra com custo irrisório se levado em conta todo o benefício que a comunidade terá”, explica Gazen.

De acordo com Marcelo Gazen, a rótula será feita numa parceria entre a EGR e a Prefeitura de Lajeado. “É importante dizer que esta é uma ação conjunta da EGR com a Prefeitura de Lajeado, que, inclusive, fará algumas alterações no fluxo de veículos no trecho durante as obras, com deslocamento de um cruzamento, para que se faça o acesso próximo da trincheira no local”, comenta.

A previsão da EGR é iniciar os trabalhos na segunda-feira (21), com previsão de término dentro de 30 ou 40 dias. “Nossa previsão de entregar a rótula é de, no máximo, 30 ou 40 dias, e já liberar o tráfego para toda a população”, finaliza o presidente da estatal.

VÍDEO: Trecho que receberá rótula em substituição a semáforo 

Alterações do trânsito ainda sem definição

De acordo com o coordenador do Departamento de Trânsito da Prefeitura de Lajeado, Vinícios Renner, eventuais alterações no fluxo de veículos em função da obra ainda não estão definidas. “O desvio do tráfego deve ser em comum acordo com a polícia rodoviária estadual. Não fomos procurados ainda para saber como irá acontecer o cronograma das obras, para poder planejar”, revela Renner.

Texto: Luís Fernando Wagner
noticias@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui