Coordenador regional do MDB considera aquém o desempenho do partido nas eleições

Celso Cervi ainda explicou a frustração da falha em possível coligação com o PT em Lajeado.


0
Foto: Arquivo / Rádio do Vale

O Movimento Democrático Brasileiro, o MDB, foi o partido com o maior número de prefeitos eleitos no Vale do Taquari. Treze candidatos da sigla irão comandar os Executivos de municípios da região a partir de 2021. Mesmo com os resultados, o coordenador regional do MDB, Celso Cervi, considerou o desempenho aquém no pleito deste ano. Ele concedeu entrevista ao programa Encontro Maior da Rádio do Vale e relatou que foi surpreendido pelas derrotas em cidades como Arroio do Meio e Boqueirão do Leão.


ouça a entrevista

 


Celso Cervi também avaliou a eleição em Lajeado, onde a candidata Márcia Scherer atingiu 23,86%. Pesquisa realizada pelo partido em agosto já apontava uma vantagem de 52% a 21% para o atual prefeito Marcelo Caumo. Por isso, a última cartada seria uma coligação com o PT, para que o vereador Sérgio Kniphoff fosse o vice da chapa. No entanto, o petista queria ser indicado a prefeito e não aceitou o convite.

O coordenador regional do MDB ainda considerou que a pandemia deu maior visibilidade a Marcelo Caumo, que soube conduzir o momento de crise.

Para o futuro do partido em Lajeado, Cervi afirmou que há a necessidade de uma renovação e fortalecimento do MDB jovem. GL

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui